1. The WordReference Forums have moved to new forum software. (Details)

Amo-te ou Te amo

Discussion in 'Português (Portuguese)' started by BlueWolf, Aug 6, 2006.

  1. BlueWolf

    BlueWolf Senior Member

    Italy
    Italian
    Olá.

    Não me é sempre claro quando o pronome directo ou indirecto são antes o verbo. E se eu entedi bem, o uso é também diferente no Brasil e em Portugal.
    E no português a posição deste pronome muda segundo o tempo do verbo (como no italiano)?

    Para exemplo:
    - Amo-te ou Te amo
    - Amar-se ou Se amar (penso a primeira, não?)
    - Amando-se ou Se amando
    Etc.

    E com você o uso muda?

    Muito obrigado.
     
  2. Vanda

    Vanda Moderesa de Beagá

    Belo Horizonte, BRASIL
    Português/ Brasil
    BlueWolf,

    O uso é bem mais complicado do que simplesmente dizer que é antes do verbo ou depois do verbo. :)
    Temos vários tópicos sobre esse assunto. Veja este aqui , que por sua vez vai levar a vários outros links.

    De uma maneira bem simplista:
    Amo-te = em Portugal e na escrita formal para brasileiros
    Te amo = na fala e na escrita informal para brasileiros

    Amar-se / Se amar / Amando-se ou Se amando = mesmo caso dos dois primeiros exemplos.
     
  3. BlueWolf

    BlueWolf Senior Member

    Italy
    Italian
    Obridago, e me desculpo se ham muitos tópicos.
     
  4. Vanda

    Vanda Moderesa de Beagá

    Belo Horizonte, BRASIL
    Português/ Brasil
    BlueWolf, não tem que se desculpar. ;) Esse assunto é mesmo muito complicado em detalhes e é óbvio que intriga os aprendizes. Depois de ler, oops, aquilo tudo :D e as dúvidas continuarem, volte que estaremos prontos a dar palpites. :)
     
  5. Denis555

    Denis555 Senior Member

    Cracóvia, Polônia
    Brazilian Portuguese
    Sobre a colocação pronominal só gostaria de dizer 2 coisas, gostaria antes de morrer poder dizer à gramática da língua portuguesa:
    Te amo! Me aceite como eu sou!
     
  6. jake barnes Junior Member

    brazil
    brazil portuguese
    Muito espirituoso mesmo o comentário de nosso amigo, o que me fez lembrar imediatamente do poema "Pronominais", de Oswald de Andrade, que, aliás, vem muito bem a calhar aqui, no que diz respeito ao tópico.


    [FONT=Arial, Helvetica, sans-serif]"Dê-me um cigarro
    Diz a gramática
    Do professor e do aluno
    E do mulato sabido
    Mas o bom negro e o bom branco
    Da Nação Brasileira
    Dizem todos os dias
    Deixa disso camarada
    Me dá um cigarro"[/FONT]
     
  7. Vanda

    Vanda Moderesa de Beagá

    Belo Horizonte, BRASIL
    Português/ Brasil
    Istiano, na verdade, o Ciro, a Dad não criticam este uso da próclise. ;) Eles, como todos professores bem informados, dizem que não é válido este uso na escrita formal, mas que é mais do que aceito na informal.
     
  8. marta12 Senior Member

    Portugal
    português
    Sou portuguesa.
    O que sempre aprendi na vida, foi respeitar a diferença.
    Sempre que por cá ouvimos dizer «te amo» sabemos que o falante é brasileiro ou que esteve vários anos a viver no Brasil.

    O que tenho aprendido neste forum, além do inglês, são as grandes diferenças que há entre o português do Brasil e de Portugal, tanto na construção frásica como nas palavras usadas e nos seus significados.

    Devo dizer que acho uma delícia e que acho que só vem enriquecer a língua portuguesa, já para não falar do português Africano que também é riquíssimo e diferente de país para país.

    Por isso....
     
  9. anaczz

    anaczz Senior Member

    À beira do Oceano Atlântico
    Português (Brasil)
    Ó kandinsk, uma dúvida: quando você está com sua namorada/esposa/amada costuma dizer-lhe "Amo-te" ou "Eu te amo"?
    Outra dúvida: você usa mesóclises no falar do dia a dia? Sério?
     
  10. kandinsk Junior Member

    português
    Minha cara (o), naturalmente uso "Eu te amo", mas já agora gostaria de saber a fonte da sua questão... ;)
     
  11. kandinsk Junior Member

    português
    Mas acho, que só é errada quando a frase vem sem o pronome pessoal, ex.:
    Te amo

    Quando traz o pronome "eu", é totalmente correta; não?
    Ex.: Eu te amo
    Ou o correto é, Eu amo-te?
    Outra coisa, em portugal se usa: Eu te quero ajudar (isso me soa mal, quando alguém me diz, tenho a sensação de que a pessoa me quer para ela, lol,) Não seria, EU QUERO TE AJUDAR ou EU QUERO AJUDAR-TE?
     
    Last edited: Dec 7, 2010
  12. albaalbetti Junior Member

    Italiano
    Querida Marta12, assim em Portugues de Portugal tu dirias "Eu amo-te" ou "Eu te amo"?
     
  13. marta12 Senior Member

    Portugal
    português
    Olá Albaalbetti

    Diria, eu amo-te:)
    Mas não é a mesma coisa. E no ptPT, há maneiras de dizer que são subjectivas, por isso é que o ptPT é tão difícil.
    Naquela frase só simples como está, sem mais contexto, o mais usual é dizer-se como eu disse.
    E também

    Estou a fazer o possível para te ajudar e não, ajudar-te.
     
  14. Istriano

    Istriano Senior Member

    -
    No Brasil, o mais neutro seria: Amo você.
    Sem misturas de pronomes (Eu te amo você), sem erros de colocação pronominal (Te amo; Amo tu) e sem lheismo (Lhe amo tão comum em Salvador).
     
  15. Vós

    Vós Senior Member

    Bahia
    Portuguese
    Meu professor uma vez citou uma passagem sobre esta questão.

    Está errado dizer:

    Te amo.

    Está certo dizer:

    Te amo! (pois está enfático)

    Agora:

    Amo-te (está certo, mas não é enfático)

    O meu professor disse algo, como "Menina se seu namorado diz: Amo-te. Não acredite nele, pois ele não te ama tão profundamente."
     
    Last edited: Aug 13, 2011
  16. Fericire

    Fericire Senior Member

    South America
    Portuguese (Brazil)
    Não se começa frases com pronomes oblíquos.

    Editando: mas, realmente; Em orações optativas, que exprimem desejo, vontade, pode-se utilizar a próclise — por motivos enfáticos.
     
    Last edited: Aug 13, 2011
  17. Vós

    Vós Senior Member

    Bahia
    Portuguese
    Fora de tópico: Acho que seria algo meio esquisito criar um tópico para isso, mas não poderei deixar de comentar.

    Hoje na TVE, 20:00 Mia Couto (Acho que é uma entrevista com ele(Queria tanto falar consigo, que droga não pode aglutinar o com ele se não for reflexivo)).
     
  18. Denis555

    Denis555 Senior Member

    Cracóvia, Polônia
    Brazilian Portuguese
    Me lembrei de "Pronominais".
    Um abraço
     
  19. Vós

    Vós Senior Member

    Bahia
    Portuguese
    Deixa disso camarada
    Me dá um cigarro.

    Sim eu compreendo, e acredito nisso, mas se escrito em prosa ficaria assim?

    Deixa disso camarada, me dá um cigarro.

    Camarada não puxaria o pronome oblíquo?
     
  20. Vanda

    Vanda Moderesa de Beagá

    Belo Horizonte, BRASIL
    Português/ Brasil
  21. nicolai.rostov Senior Member

    Português do Brasil
    No português do Brasil, existe algum argumento racional, sem arbitrariedade, para evitar próclise no começo de frases escritas? Pensei nestes:

    No caso do pronome "se", pode-se alegar possível confusão com a conjunção condicional "se".
    No caso do pronome "a", confusão com a preposição "a".
    No caso do pronome "o", confusão com o artigo "o".

    Exemplos: (não muito naturais admito)

    Se quer doar dinheiro... (Caso queira ou quer-se?)
    O esperar é perda de tempo... (o ato de esperar ou esperá-lo?)
    A cantar iam eles... (vinham cantando ou planejavam cantá-la?)

    E os outros pronomes? Há alguma razão para evitar isto?
    Te amo
    Me dá
     
    Last edited: Jun 29, 2012
  22. Denis555

    Denis555 Senior Member

    Cracóvia, Polônia
    Brazilian Portuguese
    No fim do jogo da Eurocopa 2012 entre Portugal e Holanda Cristiano Ronaldo comemora a vitória e mostra a sua camiseta com a frase escrita à mão ao filho que estava aniversariando:
    "Júnior, o pai te ama. Parabéns".
    Ver foto: http://french.peopledaily.com.cn/Sports/7850124.html
    ou aqui: http://www.cmjornal.xl.pt/detalhe/noticias/exclusivo-cm/ronaldo-deu-os-parabens-ao-menino

    Aqui ele escreve no Facebook: "Eu te amo, meu filho" E usa o gerúndio!
    Ver artigo: http://sol.sapo.pt/inicio/Vida/Interior.aspx?content_id=52221

    Então, umas perguntinhas aos nossos colegas portugueses:
    Sendo ele português, ele não expressaria essas frases diferentemente, usando a ênclise?
    Frases desse tipo são impossíveis de vir de portugueses?
    Portugueses (da Ilha da Madeira, onde ele nasceu) usam regras diferentes de outros portugueses?
    Ou seria influência brasileira em Portugal?
     
  23. englishmania

    englishmania Senior Member

    Portugal
    European Portuguese
    Também reparei nisso. Talvez seja influência dos amigos brasileiros (Marcelo) e "brasileiros" (Pepe) ou assim.... (desconheço particularidades da variante do português da Madeira).
    Não sei se tem vindo a crescer essa tendência de dizer "eu te amo", mas a mim, como portuguesa, causa-me sempre estranheza! Por exemplo, já ouvi na rádio relatarem jogos e dizerem "Eu te amo, Portugal!" e sim, causa-me estranheza. Por que razão o dizem? Não sei.

    Há uns anos também não se ouvia ninguém dizer "oi" e hoje em dia ouve-se. Não me causa tanta estranheza, mas também não o consigo dizer. Para mim, continua a ser variante português do Brasil.
     
    Last edited: Jun 30, 2012
  24. Alentugano

    Alentugano Senior Member

    Português - Portugal
    Quanto ao uso de gerúndio, isso é muito normal na ilha da Madeira, assim como em algumas regiões do continente, como o Baixo Alentejo. Em relação ao eu te amo, julgo que seja por influência brasileira mesmo. Em Portugal não é natural falar ou escrever assim nos dias de hoje. É bom não esquecer que Cristiano tem passado grande parte da sua vida no exterior e deve ter vários amigos e colegas de profissão brasileiros. Sabia que a grande popularidade alcançada pela música "Ai se eu te pego" cá em Portugal se deveu, em parte, ao facto de Cristiano comemorar os golos executando uma coreografia inspirada nessa mesma música de Michel Teló? Isso mostra um pouco o quanto ele está ligado nas coisas que vêm do Brasil.
     
  25. merquiades

    merquiades Senior Member

    France
    USA Northeast
    Cristiano Ronaldo mora em Madrid desde há muitos anos. É possível que ele tenha influência da língua espanhola: yo te amo, estoy intentanto... Quando uma pessoa mora num país estrangeiro muda a sus forma de falar.
     
  26. marta12 Senior Member

    Portugal
    português
    Também vale a pena salientar que o Cristiano Ronaldo nunca foi um exemplo do 'bem falar' a língua portuguesa.
     
  27. nicolai.rostov Senior Member

    Português do Brasil
    Boa. :) Mas por que será que jogadores de futebol na França, por exemplo, colocam os pronomes todos direitinho na frase quando dão entrevistas ("le lui", "me le", "l'en") mesmo exaustos depois de uma partida dura? O mesmo parece não ocorrer com nossos jogadores.

    Uma questão de educação ou de idioma?
     
  28. englishmania

    englishmania Senior Member

    Portugal
    European Portuguese
    Pois, não sei, nunca reparei no que os jogadores franceses dizem. A verdade é que os jogadores brasileiros que ouço também não primam pelo bom uso da língua portuguesa.
     
  29. nicolai.rostov Senior Member

    Português do Brasil
    :rolleyes:
     
  30. Denis555

    Denis555 Senior Member

    Cracóvia, Polônia
    Brazilian Portuguese
    Cuidado com esse "língua portuguesa"....
    Analizando, apenas a frase escrita por ele acima, não há nenhum problema com a frase no Brasil. Na verdade, seria estranho se estivesse escrita diferentemente.


    -------
    Será mesmo?


    A gente só pensa que falar correto (bem) é usar os pronomes... Mas cada língua tem suas idiossincrasias:
    http://www.ielanguages.com/frenchslang.html

    Os jogadores (as pessoas) irão "pecar" em outras coisas... As línguas são assim.
     
    Last edited: Jun 30, 2012
  31. nicolai.rostov Senior Member

    Português do Brasil
    Um esclarecimento, Denis555: penso que os jogadores (as pessoas) erram os pronomes porque as regras estão erradas.
     
  32. marta12 Senior Member

    Portugal
    português
    Olá Dennis555

    Porque é que diz que o Ronaldo só não fala bem o português de Portugal?
    Já o ouviu falar o português do Brasil, ou o de Angola, etc?
     
    Last edited: Jun 30, 2012
  33. Istriano

    Istriano Senior Member

    -
    Eu te amo tem um tom poético em Portugal, já vi/li na poesia.
    Aliás, até nas músicas de Tony Carreira podem se ouvir coisas como Eu te amo ou Como é que tu vais, como estás vivendo? / Se ficar sabendo que não estás sofrendo...
    Como é que tu vais?
    E ele é de Coimbra, e não da Madeira.
     
    Last edited: Jun 30, 2012
  34. Denis555

    Denis555 Senior Member

    Cracóvia, Polônia
    Brazilian Portuguese
    Se alguém aqui nota que Ronaldinho escreveu na camisa "Júnior, eu amo-te. Parabéns."

    E nós, os brasileiros, comentamos aqui que achamos muito estranho que ele use essa construção "amo-te".
    Aí eu digo: -é, mas vale a pena salientar que o "Ronaldinho" nunca foi um exemplo do 'bem falar' a língua portuguesa.

    -------
    Entendeu?
     
  35. Alentugano

    Alentugano Senior Member

    Português - Portugal
    Por que é que só uma das expressões pode estar correta? Por mim, ambas estão certas. Lá por não se usar eu te amo na linguagem quotidiana (em Portugal) isso não deveria significar que a mesma está incorreta. Como o Istriano bem notou, também em Portugal se usam estruturas semelhantes, mormente nas letras de músicas e na linguagem poética...
     
  36. SãoEnrique

    SãoEnrique Senior Member

    French France
    Cuidado com o link posto!

    T'as fini de manger ?
    Have you finished eating?
    T'es fatigué ou quoi ? Are you tired or what?
    T'as beau essayer, t'y arrives pas. No matter how much you try, you won't succeed.

    Faz muito língua oral, o melhor é dizer:

    Tu as fini....
    Tu es fatigué...
    Tu as beau essayer... Tu n'y arrives...
     
  37. marta12 Senior Member

    Portugal
    português
    Pois é! mas o que você esqueceu é que o meu comentário não foi apenas pela frase escrita acima. E a minha pergunta continua a ser a mesma: como é que você sabe se ele fala bem ou mal qualquer outra 'língua portuguesa'?
     
  38. Angelo di fuoco Senior Member

    Germany
    Russian & German (GER) bilingual
    Questão das duas coisas. Em francês também existem divergências de estilo - enormes! - entre a língua falada e a língua escrita, mas nâo na área dos pronomes. A única excepção seria o pronome sujeito "on" em lugar de "nous".
     
  39. Outsider Senior Member

    Portuguese (Portugal)
    Não são impossíveis nem incorretas, nem creio que se trate neste caso de influência brasileira. No português europeu a ênclise seria a posição normal do pronome neste caso, mas a próclise também se usa ocasionalmente, com certo efeito estilístico. É difícil explicar o valor desta sintaxe menos habitual (que é bastante ténue), mas eu diria que umas vezes a próclise serve para dar ênfase ao sujeito, e outras vezes é marca de um discurso (ou escrita) um pouco mais formal. No exemplo que refere, apostaria na segunda hipótese.

    Exato, o Istriano chegou lá antes de mim.

    Essa é que não entendi.
     
    Last edited: Jul 7, 2012
  40. Istriano

    Istriano Senior Member

    -
    Bom, Tony Carreira usa o gerúndio em umas músicas, e ele não é do Sul de Portugal (ou da Madeira), mas do Centro. ;)
     
  41. celso8 Junior Member

    Brazil / São Paulo
    Portuguese-Brazil


    Me desculpa.

    Não entendi a relação com o posting...

    On parle de la construction:

    Je t'aime par rapport à "J'aime-te" qui n' est pas possible en français, je crois.
     
  42. SãoEnrique

    SãoEnrique Senior Member

    French France
    Também não vejo porque uma pessoa postou esse link em relação ao francês. Era para dizer que o melhor é de usar a forma que escrevi.
    "J'aime-te" não é possivel em francês.
     
  43. celso8 Junior Member

    Brazil / São Paulo
    Portuguese-Brazil

    O posting é sobre a colocação do pronome complemento (te). Não do pronome sujeito (tu).


    Na Língua Portuguesa, há várias possibilidades. Ex:


    1. Te amarei por toda a vida.

    2. Amar- te - ei por toda a vida.

    3. Amarei-te por toda a vida.



    O seu posting original trata da utilização do pronome sujeito (tu) em francês, que não é o objeto de questionamento nesse posting.

    A minha intenção foi chamar a sua atenção para o fato que em francês a colocação do pronome é simples, só há uma possibilidade , ex: j'aime -te é inadmissível em francês, mas em em português é possível.
     
  44. SãoEnrique

    SãoEnrique Senior Member

    French France
    Eu já sabia isso em português, são as primeiras ensinadas. Em francês sempre é: pronome pessoal ou outro em primeiro, depois pomos o verbo.

    Je m'en vais en Bretagne/ Je m'ennuis car...

    P.S: Quando perguntamos algo a alguém às vezes dá "Où vas-tu"?
     
    Last edited: Jul 8, 2012
  45. Fericire

    Fericire Senior Member

    South America
    Portuguese (Brazil)
    "Amarei-te" é completamente errado. Ou você usa a mesóclise ou usa o verbo "ir" ("vou-te amar") - ou transforma numa próclise.
     
  46. celso8 Junior Member

    Brazil / São Paulo
    Portuguese-Brazil
    :thumbsup:


    :D Me desculpem !

    Me excedi.


    Estaria correto no presente: amo te.
     
    Last edited: Jul 8, 2012
  47. Istriano

    Istriano Senior Member

    -
    Vou-te amar é a grafia lusitan(ist)a.

    Vou te amar.
    Não vou te amar.
    Sei que vou te amar.

    Muita gente que escreve pode-se dizer, também escreve: poderia-se dizer.
    Pode se dizer, Poderia se dizer, Não quero me encomodar está sempre correto.
    Poderia-se dizer, Não vou-te amar, Não quero-me encomodar
    está sempre errado.

    http://wp.clicrbs.com.br/sualingua/2009/05/14/pronome-solto-entre-dois-verbos/?topo=77,1,1,,,9

    http://www.estadao.com.br/manualredacao/esclareca/c.shtm



     
    Last edited: Jul 9, 2012
  48. marcellamelo New Member

    portuguese
    Não se começa uma frase com pronomes, exemplo ME e TE
    logo pode se dizer ''eu te amo'' ou ''amo-te'' mas não ''Te amo''
    por exemplo não é correto iniciar com ''me deixa em paz'', o ideal seria ''deixa-me em paz''
    essa é uma das regras do uso de pronomes.
     
  49. celso8 Junior Member

    Brazil / São Paulo
    Portuguese-Brazil
    :thumbsup:


    É verdade.


    Mas vale lembrar que no Brasil se usa ao contrário do que a diz regra.

    Não me lembro de um dia ter ouvido "Amo-te" no Brasil, dizemos "Te amo, Te adoro, Te quero."

    "Deixa-me em paz", somente com sotaque do além-mar. Dizemos "Me deixa em paz."



    Me desculpem.
     
    Last edited: Jul 9, 2012
  50. SãoEnrique

    SãoEnrique Senior Member

    French France
    Valeu!
     

Share This Page