Matar-te-ei

Discussion in 'Português (Portuguese)' started by DerFrosch, Dec 1, 2013.

  1. DerFrosch

    DerFrosch Senior Member

    Oi!

    Eu sei que "Te matarei" é mais usado no Brasil e que "Matarei-te" é mais usado em Portugal (embora isso provavelmente é uma simplificação:)), mas onde e quando diz-se "Matar-te-ei"?
     
  2. Vanda

    Vanda Moderesa de Beagá

    Belo Horizonte, BRASIL
    Português/ Brasil
    Na verdade, não é matarei-te, é matar-te-ei, no caso de querer ficar no campo da gramática. Penso que é assim também que os portugueses dizem.
     
  3. DerFrosch

    DerFrosch Senior Member

    Obrigado por me informar, Vanda. Obivamente tenho muito a aprender, eu não vi matar-te-ei antes.
     
  4. Vanda

    Vanda Moderesa de Beagá

    Belo Horizonte, BRASIL
    Português/ Brasil
    Aqui, neste caso, é regra de colocação pronominal: com o futuro do pretérito e futuro simples - apenas - o pronome é colocado no meio (mesóclise). clique
     
  5. Carfer

    Carfer Senior Member

    Paris, France
    Portuguese - Portugal
    Exacto.
     
  6. Ruca Senior Member

    Grande Porto
    Português Europeu


    Olá DerFrosh,

    Em português padrão, em Portugal, a regra é o uso da ênclise, ou seja, "matar-te-ei", exceto se na frase houver alguma partícula que atraia o pronome para posição proclítica. Por exemplo:

    1) Se não vieres jantar, matar-te-ei! (bastante formal)

    2) Se não vieres jantar, vou matar-te! (comum)

    3) Ja te disse que te matarei, se não vieres jantar! (comum) Neste caso, o "que" atrai o pronome para posição anterior ao verbo.


    Mas, quanto à frase 1), a realidade é bem diferente do padrão. Estou plenamente convencido que a maior parte da população, incluindo muitas pessoas com formação superior, diriam com muita naturalidade "Se não vieres jantar, matarei-te". Esse "matarei-te" é incorreto, do ponto de vista gramatical, mas é utilizado por grande parte da população. Até já ouvi essa forma agramatical da boca de uma professora de português da minha filha...
     
  7. ElSoberano

    ElSoberano Member

    Long Island, NY
    Español-Lat Am. English-United States
    MMM interessante! Olá foro, fala ElSoberano :),
    Acho que é muito interessante aquilo de fazer mesóclise com esse tempo verbal no português. No espanhol não temos casos assim, de empregar O pronome possessivo no meio do verbo conjugado.

    Eu sei que esse foro e pra falar do PORTUGUÊS somente, mais acredito que fica interessante e quis falar cá pra fazer comparações entre as duas línguas ibéricas.. Mais, não vejo no foro PT-ESP/ESP-PT esse tema..:rolleyes:

    Além disso, estive lendo a escritura de Ruca e me fiz lembrar dum caso no espanhol...

    No WIKIPEDIA há um artigo falando desse tema, cuya explicação é em inglês pelo que o artigo contém mais profundidade do caso do mesóclise antiguo no Espanhol Medieval http://en.wikipedia.org/wiki/Comparison_of_Portuguese_and_Spanish

    Embora não esclarece nada o tema de DerFosch, sim pode se dizer que é interessante o caso do mesóclise no portugués...

    Tenho só uma pergunta pertinente, A gente fala (matar-te-ei) commumente o só fala-se quando quer falar formalmente... ISSO NÃO COMPREENDO!:confused:

    Desculpa de Novo pelo desenfoque!
    ;)
     
  8. Thomas1

    Thomas1 Senior Member

    polszczyzna warszawska
    Olá,

    Estou a perguntar-me sobre a mesma coisa. Nas minhas leções do português (europeu) aprendi que as formas do tipo 'matar-te-ei' são muito formais e raras na lengua quotidiana (sobretudo na lengua falada). O contexto onde as vi mais frequentemente fue a literatura). Soponho que a forma 'matar-te-ei' aparecerá normalmente nos artigos de prensa ou nas noticias de televisão o de radio (e que será o padrão para jornalistas quem têem cuidado na lengua deles) mas nos filmes ou nos programas onde se utiliza muito a lengua quotidiana não necesariamente. Alguem poderia confirmar se isto é mais ou menos correcto?
     
  9. anaczz

    anaczz Senior Member

    À beira do Oceano Atlântico
    Português (Brasil)
    A mesóclise está cada vez mais confinada aos livros. No Brasil já praticamente não se usa na linguagem corrente.
    As alternativas costumam ser:

    Vou te matar. (esta é a mais usada, no Brasil)
    Vou matar-te.
    Irei matar-te.
     

Share This Page

Loading...