visto

Discussion in 'Português-Español' started by Billie Ro, Jul 23, 2013.

  1. Billie Ro Senior Member

    Spanish (Spain)
    Qué sentido tiene "visto" en este contexto. Gracias.

    Neste crime vçarias coisas são claras:
    1) Foi premeditado e visto do local onde aconteceu.
    2) Tendo sido premeditado, foi-o por alguém que conhecia a escola.
     
  2. Vanda

    Vanda Moderesa de Beagá

    Belo Horizonte, BRASIL
    Português/ Brasil
    Que alguém relacionado de quem o texto está falando, viu o crime no local onde aconteceu.
     
  3. Carfer

    Carfer Senior Member

    Paris, France
    Portuguese - Portugal
    Literalmente e sem mais contexto, é o que a Vanda diz. Mas fico com a pulga atrás da orelha. Não faz muito sentido, até porque a alínea 2) dá claramente a entender que não se conhece o autor. Se o crime tivesse sido visto, no sentido de que havia alguém a observar o local, essa autoria ainda seria desconhecida? Suspeito que a frase esteja mal redigida. Não será 'Foi premeditado, visto o local onde aconteceu' (isto é, por causa do local onde aconteceu, no sentido de que a escolha do local do crime implica que tenha sido premeditado)?
     
  4. Billie Ro Senior Member

    Spanish (Spain)
    Es portugués de principios del siglo xx. ¿Podría ser que se usara popularmente 'do' en vez de 'no' en esa época? Así la frase tendría más sentido.
     
  5. Carfer

    Carfer Senior Member

    Paris, France
    Portuguese - Portugal
    Não conheço nenhuma particularidade do português da época que justificasse tal uso. 'Visto no local' e 'visto do local' têm significados diferentes. 'Visto do' quer dizer 'visto a partir de/visto desde'. Nesta formulação, o crime teria então sido visto a partir do local onde aconteceu, mas a consequência lógica é que o observador teria na realidade de estar num certo local e o crime teria de ocorrer noutro local exterior a este. Dizer que 'o crime foi visto do local onde aconteceu' é incongruente por essa razão. Nessa perspectiva 'visto no' faz mais sentido. O crime teria nesse caso sido visto por alguém que estava no próprio local do crime. Mas essa não é a única nem a razão de fundo da minha estranheza. A enumeração dá a entender uma relação de causa e efeito ou de premissa e conclusão mas em que as primeiras não concordam ou não acarretam necessariamente as segundas. Porquê associar na mesma alínea a premeditação com o facto de o crime ter sido visto/observado a partir do local onde ocorreu? Que tem uma coisa a ver com a outra? Que relação há entre a premeditação e o facto de o autor conhecer a escola? O que é que se pretende demonstrar ou concluir? Talvez o resto do texto permita esclarecer as minhas dúvidas, mas, assim sem mais, a única coisa que me ocorre - e que, não obstante, me deixa muitas interrogações - é que se tenha querido dizer 'o crime foi premeditado, visto o local onde aconteceu'.
     
  6. Billie Ro Senior Member

    Spanish (Spain)
    Gracias pro vuestras aportaciones.
    Carfer, el texto original es una transcripción de unos escritos del autor. Es posible que la persona que transcribió el texto original malinterpretara una grafía y, en vez de 'do' fuera 'no'.
     

Share This Page