As causas do conflito iniciarem-se na Europa,

Discussion in 'Português (Portuguese)' started by Milie, Dec 11, 2005.

  1. Milie Banned

    Français
    As causas do conflito.

    As causas do conflito iniciarem-se na Europa, e espalhou-se pela África e Ásia.
    Os mais importantes motivos foram o surgimento, em 1930, na Europa, de governos totalitários com fortes objectivos militares e expansionistas. Na Alemanha surgiu o nazismo, liderado por Hitler e este pretendia expandir o seu território alemão e assim desrespeitando o Tratado de Versalhes, ele reconquistou os territórios que tinha perdido na Primeira Guerra Mundial.
    Na Itália estava a crescer o Partido Fascista, liderado por Benito Mussolini, que se torno “o adorado” da Itália, com poderes sem limites. A Alemanha e a Itália estavam as duas a passar por uma grave crise económica no início de 1930, milhares de populações sem emprego. Uma das medidas tomadas pelos governos fascistas foi a industrialização, na criação de indústria de armas e equipamentos bélicos (aviões de guerra, navios, tanques).
    Na Ásia, o Japão também desejava expandir seus domínios, através de territórios vizinhos e ilhas da região. Estes três países, com objectivos expansionistas, uniram-se e formaram o Eixo.
    Estes tinham um acordo com fortes características militares e com planos de conquistas, tinham os mesmos interesses


    O início da segunda Guerra Mundial.


    Em 1939, o exército alemão invadiu a Polónia. Assim a França e a Inglaterra declarem guerra à Alemanha. De acordo com a política de alianças militares existentes, formarem-se dois grupos: Aliados (liderados pela Inglaterra, URSS, França e Estados Unidos de América) e Eixo (Alemanha, Itália e Japão).
    A conquista da Europa pela Alemanha. Eles invadiram e ocuparem a Polónia, Dinamarca, Noruega, Holanda, Bélgica e França, mas a Inglaterra aliada da Polónia, declarou guerra a Alemanha. A França aliada da Inglaterra fez o mesmo. Os generais da Alemanha tinham aperfeiçoado a técnica da Blizkrieg (guerra-relâmpago), que consistia em ataques terríveis e ela obtinha um exército poderoso e com armamentos modernos. A Itália, em 1940 entrou na guerra ao lado da Alemanha e algum tempo depois o Japão também aliou-se a esse grupo. No mesmo ano a Alemanha em seis semanas conquistou quase toda a França, tendo o governo francês abandonar Paris e irem para o Sul da França. Os ingleses foram para França enfrentar os alemãs mas estes os vencerem e foram obrigados a voltar para a Inglaterra, o que levou a perda de material e homens. A Alemanha já dominava quase toda a Europa, só a Inglaterra tinha condições de continuar a lutar. Hitler desejava conquistar a Inglaterra, mas a aviação inglesa, com o auxílio de radar, conseguiu resistir, causando enormes perdas à aviação alemã e levando Hitler a abandonar a ideia de invadir o território inglês. Derrotado na Inglaterra, Hitler voltou-se para seu grande projecto: conquistar a União Soviética. Hitler acreditava que com essa conquista a Alemanha se transformaria num império invencível.
    Antes, porém, de atacar a União Soviética, Hitler foi em ajuda de Mussolini, que havia invadido a Grécia, mas não conseguiram vencer os gregos. Em poucas semanas, os alemães derrotaram os gregos e aproveitaram a oportunidade para dominar os jugoslavos. Para a guerra contra a União Soviética, Hitler preparou uma poderosa força – cerca de 4 milhões de homens, 3300 tanques e 5000 aviões.
    O plano de Hitler estava a funcionar. Em 1938, com a ajuda da Áustria, anexou a Áustria. Em seguida a Alemanha atacou as regiões montanhosas da Checoslováquia, como esta não estava disposta a ceder, a guerra parecia iminente. Em Setembro de 1938, na conferência de Munique, os ingleses e franceses, cederam a vontade do Hitler e assim ele ficou com Sudetos. Este pacto prejudicou a Checoslováquia. Hitler tinha prometido nessa conferência não fazer exigências, se esta recebesse Sudetos, mas em 1939, ocupou o restante da Checoslováquia e revoltou-se contra a Polónia. Depois esta assinou um tratado de não-agressão com a União Soviética. Este pacto consistia em que os territórios poloneses pertenceriam a Alemanha e a União Soviética. Assim a União Soviética permitiu a invasão da Polónia aos Alemãs. Em 1 de Setembro 1939 esta invadiu a Polónia, mas a Polónia não resistiu as poderosas forças nazistas.
    O Japão conquistou a Manchúria, enquanto a Itália conquistou a Albânia e territórios da Líbia.
    Em 1941, o Japão atacou a base militar norte-americana de Pearl Harbor no Oceano Pacifico. Após este acontecimento, achando um traição da parte dos japoneses entraram no conflito ao lado das forças aliadas.
    De 1941 à 1945 ocorreram as derrotas do Eixo, iniciado com as perdas sofridas pelos alemães no rigoroso Inverno Russo. Neste período, as forças do Eixo sofreram derrotas seguidas. A entrada dos Estados Unidos da América, nos Aliados, favoreceu-lhes, pois eles ganharam forças nas frentes de batalhas.

    Dia “D”:


    Os soldados aliados desembarcaram na Normandia e fizeram um ataque surpresa para revoltarem a terem a França de volta, em que os alemães tinham invadido e permanecido durante dois anos, assim foi o fim da segunda guerra mundial e os aliados venceram.

    Final da Guerra
    A Guerra acabou em 1945, a Itália e a Alemanha renderem-se, mas o Japão não queria, assim os Estados Unidos de América lançarem bombas atómica sobre as cidades de Hiroshima e Nagazaki. Provocando a morte de milhares de japoneses e destruindo estas cidades.
    A ssim o Japão decide assinar o tratado de rendição
     
  2. Milie Banned

    Français
    Por favor corrigem os meus erros e digam se o trabalho esta bom
     
  3. Vanda

    Vanda Moderesa de Beagá

    Belo Horizonte, BRASIL
    Português/ Brasil
    Milie
    Fiz mais uma correção ortográfica e uma ou outra intervenção de concordância, do que de outra forma. Como vc escreveu no pt europeu, tenho certeza que o pessoal de lá tem mais gabarito do que eu para lhe dar sugestões do que eu teria.
    Como vc não especificou o que foi pedido no seu trabalho - um resumo, uma tradução, um ensaio? - não sei o que dizer no momento.
    Qualquer dúvida ou comentário extra que tiver, é só dizer.
     
  4. nunoalves New Member

    Setubal, Portugal
    Portugal - portuguese
    As causas do conflito.

    As causas do conflito iniciaram-se na Europa, e espalharam-se pela África e Ásia.
    Os mais importantes motivos foram o surgimento, em 1930, na Europa, de governos totalitários com fortes objectivos militares e expansionistas. Na Alemanha surgiu o nazismo, liderado por Hitler e este pretendia expandir o seu território alemão e assim desrespeitando o Tratado de Versalhes, ele reconquistou os territórios que tinha perdido na Primeira Guerra Mundial.
    Na Itália estava a crescer o Partido Fascista, liderado por Benito Mussolini, que se tornou “o adorado” da Itália, com poderes sem limites. A Alemanha e a Itália estavam as duas a passar por uma grave crise económica no início de 1930, milhares de pessoas sem emprego. Uma das medidas tomadas pelos governos fascistas foi a industrialização, na criação de indústria de armas e equipamentos bélicos (aviões de guerra, navios, tanques).
    Na Ásia, o Japão também desejava expandir os seus domínios, através de territórios vizinhos e ilhas da região. Estes três países, com objectivos expansionistas, uniram-se e formaram o Eixo.
    Estes tinham um acordo com fortes características militares e com planos de conquistas, tinham os mesmos interesses


    O início da segunda Guerra Mundial.


    Em 1939, o exército alemão invadiu a Polónia. Assim a França e a Inglaterra declararam guerra à Alemanha. De acordo com a política de alianças militares existentes, formarem-se dois grupos: Aliados (liderados pela Inglaterra, URSS, França e Estados Unidos da América) e Eixo (Alemanha, Itália e Japão).
    A conquista da Europa pela Alemanha. Eles invadiram e ocuparem a Polónia, Dinamarca, Noruega, Holanda, Bélgica e França, mas a Inglaterra aliada da Polónia, declarou guerra à Alemanha. A França aliada da Inglaterra fez o mesmo.Os generais da Alemanha tinham aperfeiçoado a técnica da Blizkrieg (guerra-relâmpago), que consistia em ataques terríveis e ela obtinha um exército poderoso e com armamentos modernos. A Itália, em 1940 entrou na guerra ao lado da Alemanha e algum tempo depois o Japão também se aliou a esse grupo. No mesmo ano a Alemanha em seis semanas conquistou quase toda a França, tendo o governo francês abandonado Paris e partido para o Sul de França. Os ingleses foram para França enfrentar os alemães mas foram vencidos e obrigados a voltar para a Inglaterra, o que levou a perda de material e homens. A Alemanha já dominava quase toda a Europa, só a Inglaterra tinha condições de continuar a lutar. Hitler desejava conquistar a Inglaterra, mas a aviação inglesa, com o auxílio de radar, conseguiu resistir, causando enormes perdas à aviação alemã e levando Hitler a abandonar a ideia de invadir o território inglês. Derrotado na Inglaterra, Hitler voltou-se para seu grande projecto: conquistar a União Soviética. Hitler acreditava que com essa conquista a Alemanha se transformaria num império invencível.
    Antes, porém, de atacar a União Soviética, Hitler foi em ajuda de Mussolini, que havia invadido a Grécia, mas não conseguiram vencer os gregos. Em poucas semanas, os alemães derrotaram os gregos e aproveitaram a oportunidade para dominar os jugoslavos. Para a guerra contra a União Soviética, Hitler preparou uma poderosa força – cerca de 4 milhões de homens, 3300 tanques e 5000 aviões.
    O plano de Hitler estava a funcionar. Em 1938, com a ajuda da Áustria, anexou a Áustria. Em seguida a Alemanha atacou as regiões montanhosas da Checoslováquia, como esta não estava disposta a ceder, a guerra parecia iminente. Em Setembro de 1938, na conferência de Munique, os ingleses e franceses, cederam à vontade do Hitler e assim ele ficou com Sudetos. Este pacto prejudicou a Checoslováquia. Hitler tinha prometido nessa conferência não fazer exigências, se esta recebesse Sudetos, mas em 1939, ocupou o restante da Checoslováquia e revoltou-se contra a Polónia. Depois esta assinou um tratado de não-agressão com a União Soviética. Este pacto consistia em que os territórios polacos pertenceriam à Alemanha e à União Soviética. Assim a União Soviética permitiu a invasão da Polónia aos Alemães. Em 1 de Setembro de 1939 esta invadiu a Polónia, mas a Polónia não resistiu às poderosas forças nazis.
    O Japão conquistou a Manchúria, enquanto a Itália conquistou a Albânia e territórios da Líbia.
    Em 1941, o Japão atacou a base militar norte-americana de Pearl Harbor no Oceano Pacifico. Após este acontecimento, achando um traição da parte dos japoneses entraram no conflito ao lado das forças aliadas.
    De 1941 à 1945 ocorreram as derrotas do Eixo, iniciadas pelas perdas sofridas pelos alemães no rigoroso Inverno Russo. Neste período, as forças do Eixo sofreram derrotas seguidas. A entrada dos Estados Unidos da América, nos Aliados, favoreceu-lhes, pois eles ganharam forças nas frentes de batalhas.

    Dia “D”:


    Os soldados aliados desembarcaram na Normandia e fizeram um ataque surpresa para se revoltarem e terem a França de volta, que os alemães tinham invadido e permanecido durante dois anos, assim foi o fim da segunda guerra mundial e os aliados venceram.

    Final da Guerra
    A Guerra acabou em 1945, a Itália e a Alemanha renderem-se, mas o Japão não queria, assim os Estados Unidos de América lançaram bombas atómicas sobre as cidades de Hiroshima e Nagazaki. Provocando a morte de milhares de japoneses e destruindo estas cidades.
    Assim o Japão decide assinar o tratado de rendição


    A correcçao foi feita so à parte ortografica. Na parte gramatical parece-me que ha muitas virgulas fora do lugar e algumas frases mal construidas.
     
  5. nunoalves New Member

    Setubal, Portugal
    Portugal - portuguese

    peço desculpa pela frase anterior, não quiz parecer mal educado... estava com pressa e tive que sair sem ter tempo de acabar a resposta.

    Não sei qual é o objectivo do trabalho por isso nao sei dizer se está bom ou não. Eu tambem não sei até que ponto seria capaz de corrigir os erros gramaticais e de concordancia porque a lingua portuguesa nunca foi o meu forte e possivelmente nao faria a correcção perfeita :(
     
  6. Outsider Senior Member

    Portuguese (Portugal)
    A minha proposta de correcção:

    a azul: correcções
    a vermelho: passagens com problemas
    a verde: comentários meus


    as causas do conflito

    O conflito iniciou-se na Europa, e estendeu-se à África e à Ásia.

    O motivo mais importante da guerra foi o surgimento, na Europa dos anos 30, de governos totalitários com fortes objectivos militares e expansionistas. Na Alemanha surgiu o nazismo, liderado por Hitler, que pretendia expandir o seu território alemão. Desrespeitando o Tratado de Versalhes, ele reconquistou os territórios que a Alemanha tinha perdido na Primeira Guerra Mundial.

    Na Itália, surgiu o Partido Fascista, liderado por Benito Mussolini, que se tornou “o adorado” da Itália [Pretende traduzir "il duce", aqui?], com poderes sem limites. Tanto a Alemanha como a Itália passavam por uma grave crise económica no início da década de 30, estando milhares de pessoas sem emprego. Uma das medidas tomadas pelos governos fascistas foi a industrialização, através da criação de uma indústria de armamento e equipamentos bélicos (aviões de guerra, navios, tanques).

    Na Ásia, o Japão também desejava expandir os seus domínios para territórios vizinhos e ilhas da região. Estes três países, com objectivos expansionistas, uniram-se e formaram o Eixo. Estabeleceram um acordo com fortes características militares e com planos de conquista, tinham interesses comuns.

    o início da Segunda Guerra Mundial

    Em 1939, o exército alemão invadiu a Polónia. Em resposta, a França e a Inglaterra declararam guerra à Alemanha. De acordo com a política de alianças militares existentes, formaram-se dois grupos: os Aliados (liderados pela Inglaterra, URSS, França e Estados Unidos da América) e o Eixo (Alemanha, Itália e Japão). [Penso que a URSS e os Estados Unidos só se juntaram aos Aliados mais tarde!]

    a conquista da Europa pela Alemanha.

    Os alemães invadiram e ocuparam a Polónia, a Dinamarca, a Noruega, a Holanda, a Bélgica e a França, mas a Inglaterra, aliada da Polónia, declarou guerra à Alemanha. [Esta frase repete factos que já estão relatados na parte anterior.] A França, aliada da Inglaterra, fez o mesmo. [Se tinha sido invadida, como podia declarar guerra à Alemanha? Há uma certa confusão cronológica aqui.] Os generais da Alemanha tinham aperfeiçoado a técnica da "Blitzkrieg" (guerra-relâmpago), que consistia em ataques fulminantes, e tinham um exército poderoso e com armamentos modernos. [Aqui, acho preferível uma palavra como "fulminante", visto que o que caracterizava a "Blitzkrieg" era o ataque rápido e em força.] A Itália entrou na guerra ao lado da Alemanha em 1940, e algum tempo depois o Japão juntou-se-lhes. No mesmo ano, em seis semanas, a Alemanha conquistou quase toda a França, tendo o governo francês abandonado Paris e partido para o Sul de França. Os ingleses foram para França enfrentar os alemães mas foram vencidos e obrigados a voltar para a Inglaterra, o que levou à perda de material e homens. A Alemanha já dominava quase toda a Europa, só a Inglaterra tinha condições de continuar a lutar. Hitler desejava conquistar a Inglaterra, mas a aviação inglesa, com o auxílio de radar, conseguiu resistir aos bombardeamentos alemães, causando enormes perdas à aviação alemã e levando Hitler a abandonar a ideia de invadir o território inglês. Derrotado na Inglaterra, Hitler voltou-se para seu grande projecto: conquistar a União Soviética. Hitler acreditava que com essa conquista a Alemanha se transformaria num império invencível.

    Antes, porém, de atacar a União Soviética, Hitler foi em ajuda de Mussolini, que havia invadido a Grécia, mas não conseguira vencer os gregos. Em poucas semanas, os alemães derrotaram os gregos e aproveitaram a oportunidade para tomar a Jugoslávia.

    Para a guerra contra a União Soviética, Hitler preparou uma poderosa força – cerca de 4 milhões de homens, 3300 tanques e 5000 aviões.
    O seu plano estava a ter sucesso. [Soa-me um pouco melhor que "funcionar".]

    Em 1938, com a ajuda da Áustria, anexou a Áustria. [Confuso!] Em seguida, a Alemanha atacou as regiões montanhosas da Checoslováquia. Como esta não estava disposta a ceder, a guerra parecia iminente. Em Setembro de 1938, na conferência de Munique, os ingleses e os franceses cederam à vontade do Hitler, e assim ele ocupou a região dos Sudetas, na Checoslováquia. Este pacto prejudicou a Checoslováquia. Hitler tinha prometido nessa conferência não fazer mais exigências, se lhe fossem entregues os Sudetas, mas em 1939 ocupou o resto da Checoslováquia e voltou-se contra a Polónia. A Alemanha tinha assinado um tratado de não-agressão com a União Soviética. [Não foi depois!...] Este pacto estipulava que os territórios polacos seriam repartidos entre a Alemanha e a União Soviética. Assim, a União Soviética permitiu a invasão da Polónia pelos alemães. Em 1 de Setembro de 1939, a Polónia foi invadida, e não resistiu às poderosas forças nazis.

    [Os quatro parágrafos anteriores estão confusos, porque os acontecimentos não são relatados por ordem cronológica.]

    O Japão conquistou a Manchúria, enquanto a Itália conquistou a Albânia e territórios da Líbia. Em 1941, o Japão atacou a base militar norte-americana de Pearl Harbor no Oceano Pacífico. Em consequência desta traição por parte dos japoneses, os Estados Unidos entraram no conflito do lado das forças aliadas.

    De 1941 a 1945, ocorreram as derrotas do Eixo, iniciadas pelas perdas sofridas pelos alemães durante o rigoroso Inverno Russo. Neste período, as forças do Eixo sofreram derrotas seguidas. [Esta frase repete ideias que estão na frase anterior.] A entrada dos Estados Unidos da América na guerra favoreceu os Aliados, pois eles ganharam apoio em todas as frentes de batalha.

    o Dia “D”:

    Soldados aliados desembarcaram na Normandia num ataque surpresa, expulsando da França os alemães, que a tinham ocupado durante dois anos, e pondo fim à Segunda Guerra, com a vitória dos Aliados. [Acho que não foi assim tão simples vencer a guerra... :)]

    o final da guerra

    A Guerra acabou em 1945. A Itália e a Alemanha renderam-se, mas o Japão tardava em fazê-lo, e por isso os Estados Unidos da América lançaram bombas atómicas sobre as cidades de Hiroshima e Nagasaki, provocando a morte de milhares de japoneses e destruindo estas cidades. O Japão decidiu então assinar o tratado de rendição
     
  7. MJD Member

    New Jersey, U.S.A.
    U.S.A. - English
    Tenho a impressão de que Outsider é um professor...e se não, deveria ser. ;)
     

Share This Page

Loading...