Capaz de ouvir e de entender estrelas

myenglishsucks

Member
Portuguese-Brazil
"E eu vos direi: "Amai para entendê-las!
Pois só quem ama pode ter ouvido
Capaz de ouvir e de entender estrelas."
(Fragmento do soneto XIII, do poema Via Lactéa, de Olavo Bilac)

Embora eu compreenda o que ele quis dizer com a última frase, eu sinto que ela ficou um pouco "solta", especialmente para um estilo que valoriza o rigor formal. Creio que o verso seria mais "fluido" desta forma: "E ser capaz de ouvir e de entender estrelas". O que vocês acham?
 
  • Carfer

    Senior Member
    Portuguese - Portugal
    Por mim, acho que a frase está correctíssima. 'Ouvido' não é o particípio do verbo 'ouvir' mas o substantivo, ou seja, o sentido da audição ou a capacidade de captar sons, como em 'ter ouvido para a música'.
     

    Guigo

    Senior Member
    Português (Brasil)
    Não sei se @Carfer e outros amigos lusitanos e/ou da lusofonia tiveram a oportunidade de conhecer a obra de Olavo Bilac (1865-1918), porém recomendo a leitura do soneto Língua Portuguesa, uma ode ao idioma que nos é comum.
     

    Carfer

    Senior Member
    Portuguese - Portugal
    O escritor não me é desconhecido, se bem que o conhecimento da obra seja muito superficial, e não foi por via escolar que a encontrei. Seria melhor sinal se o tivesse sido. Quanto ao soneto, já vi tantas referências à 'última flor do Lácio' que seria estranho nunca o ter lido, mas não garanto que haja muita gente por cá que o tenha feito.
     
    < Previous | Next >
    Top