engaging in a never-ending and debilitating game of "Gotcha"

Maria Leopoldina

Senior Member
Brazil, portuguese
Olá!

Poderiam me dar um help? Eis o texto:

Instead of real dialogue about the pressing and urgent challenges we face - like terrorism, 9/11, Social Security, race relations, financial disparity, and climate change - our leaders continue lining up combatively along party lines no matter what proposal is put on the table. I can already see it happening with the new President's economic bailout, even within his own party. Rather than sitting down, exchanging ideas, and exploring common ground for some greater good, our leaders push forward with the ultimate antithesis of diplomacy and tact, engaging in a never-ending and debilitating game of "Gotcha!"

Em vez do diálogo verdadeiro sobre problemas urgentes que enfrentamos - como terrorismo, 11/9, Previdência Social, relações raciais, disparidades financeiras e mudança climática -, nossos líderes continuam se alinhando combativamente às diretrizes políticas dos partidos, não importa qual seja a proposta em discussão. Já vejo isso acontecendo com o socorro financeiro prestado pelo novo presidente, mesmo dentro de seu próprio partido. Em vez de sentar, trocar ideias e examinar um denominador comum para alcançar um bem maior, nossos líderes fazem pressão com a antítese máxima de diplomacia e tato, engaging in a never-ending and debilitating game of "Gotcha!"

Estou aberta a sugestões e modificações. Obrigada.
 
  • Brass

    Senior Member
    Portuguese (Brazilian)
    Oi, Maria Leopoldina.
    Esta é complicada...
    A expressão "Gotcha!" traduz-se como "te peguei", ou algo assim.
    Daí, eu penso que poderíamos dizer: "envolvendo-se num jogo, sem-fim e debilitante, de "te peguei!".
    Alternativamente, como a ideia é que um tentando pegar o outro em situação difícil, talvez o "jogo de "gotcha!"" possa ser traduzido como "pega-pega".
    Sei lá... mas gosto mais da ideia do "pega-pega"
     

    almufadado

    Senior Member
    Português de Portugal
    Oi, Maria Leopoldina.
    Esta é complicada...
    A expressão "Gotcha!" traduz-se como "te peguei", ou algo assim.
    Daí, eu penso que poderíamos dizer: "envolvendo-se num jogo, sem-fim e debilitante, de "te peguei!".
    Alternativamente, como a ideia é que um tentando pegar o outro em situação difícil, talvez o "jogo de "gotcha!"" possa ser traduzido como "pega-pega".
    Sei lá... mas gosto mais da ideia do "pega-pega"
    Concordo plena e perfeitamente !

    "... num interminável jogo de "pega-pega".
     

    GOODVIEW

    Senior Member
    Portugues brasileiro
    Eu já acho que pega-pega não deixa claro do que se trata. "Te peguei!" é uma expressão corrente que fala por si só.

    Minha sugestão seria:

    ...perpetuando a desgastante brincadeira do "te peguei!"
     
    < Previous | Next >
    Top