Função sintática

Readomingues

Senior Member
Portuguese - Brazil
Alguém sabe me dizer qual a função sintática das palavras grifadas na frase abaixo?

'Lápis, canetas, cadernos, foram essas as mercadorias que chegaram.'

Muito obrigado.
 
  • machadinho

    Senior Member
    Português do Brasil
    Função não. É uma figura de sintaxe chamada anacoluto. As palavras grifadas não cumprem, a rigor, uma função sintática na oração que vem depois delas, pois essa oração inaugura, por assim dizer, uma estrutura sintática nova. A menos que se considere que elas estejam ligadas, por anáfora, ao pronome demonstrativo 'essas'; nesse caso, elas seriam (parte do) predicativo do sujeito.

    Comparar com o célebre rasgo de Macunaíma: "Pouca saúde e muita saúva, os males do Brasil são!", em que há inversão mas sem quebra de sintaxe.
     
    Last edited:

    Readomingues

    Senior Member
    Portuguese - Brazil
    Função não. É uma figura de sintaxe chamada anacoluto. As palavras grifadas não cumprem, a rigor, uma função sintática na oração que vem depois delas, pois essa oração inaugura, por assim dizer, uma estrutura sintática nova. A menos que se considere que elas estejam ligadas, por anáfora, ao pronome demonstrativo 'essas'; nesse caso, elas seriam (parte do) predicativo do sujeito.

    Comparar com o célebre rasgo de Macunaíma: "Pouca saúde e muita saúva, os males do Brasil são!", em que há inversão mas sem quebra de sintaxe.
    OK, entendi. Então, quer dizer que, numa oração, pode haver palavras ou expressões que não exercem nenhuma função sintática.
    Muito obrigado.
     

    machadinho

    Senior Member
    Português do Brasil
    Então, quer dizer que, numa oração, pode haver palavras ou expressões que não exercem nenhuma função sintática.
    Poder, pode. Seria o caso dos expletivos, por exemplo. Retire os expletivos, e a oração continua de pé.

    Mas não é o caso. As palavras grifadas não fazem parte da oração. Não é que elas façam parte mas, infelizmente, não cumpram uma função. Veja, elas pura e simplemente não fazem parte de: 'foram essas as mercadorias que chegaram'. Ora, elas nem mesmo aparecem nela! Por não fazerem parte da oração, não há função sintática para elas exercerem.

    Elas fazem, ou melhor, fariam parte de outra oração que foi abandonada no meio do caminho, por assim dizer. Imagine uma casa em construção, sem portas e janelas e com os tijolos ainda à vista, mas que foi abandonada antes do término porque o dono comprou o lote ao lado e achou melhor começar do zero outra casa ali. O anacoluto é a casa abandonada. A oração citada acima é a casa finalizada.

    O pronome 'essas' na casa finalizada está literalmente apontando para algo fora dela, a saber, para a casa abandonada, do mesmíssimo modo que o 'isso' em 'tira isso daqui agora!' aponta para um objeto real no mundo, algo fora da língua, por exemplo, prum chinelo velho largado no meio da sala minutos antes de chegarem as visitas.
     
    Last edited:

    Vanda

    Moderesa de Beagá
    Português/ Brasil
    Reescrevendo: ''foram estas as mercadorias que chegaram: lápis, canetas, cadernos,." Exercendo função de oração apositiva.
    A oração apositiva sempre estará pontuada ou entre vírgulas ou depois de dois-pontos. ..............................................
    De acordo com a relação que estabelece com o termo a que se refere, o aposto pode ser classificado em:
    a) Explicativo: A Ecologia, ciência que investiga as relações dos seres vivos entre si e com o meio em que vivem, adquiriu grande destaque no mundo atual.
    b) Enumerativo: A vida humana se compõe de muitas coisas: amor, trabalho, ação.
    c) Resumidor ou Recapitulativo: Vida digna, cidadania plena, igualdade de oportunidades, tudo isso está na base de um país melhor.
    d) Comparativo: Seus olhos, indagadores holofotes, fixaram-se por muito tempo na baía anoitecida.
    e) Distributivo: Drummond e Guimarães Rosa são dois grandes escritores, aquele na poesia e este na prosa.
    f) Aposto de Oração: Ela correu durante uma hora, sinal de preparo físico.

    fonte
     

    machadinho

    Senior Member
    Português do Brasil
    Mais ou menos, Vanda, pois, sem reescrever, o aposto recapitulativo da sua lista é a expressão tudo isso, não as palavras que o 'tudo isso' recapitula. Já o exemplo dado no OP, a saber:
    Lápis, canetas, cadernos, foram essas as mercadorias que chegaram
    é paralelo ao exemplo de anacoluto dado Celso por Cunha e Lindley Cintra:
    Umas carabinas que guardava atrás do guarda-roupa, a gente brincava com elas, de tão imprestáveis. (J. Lins do Rego, ME, 136.) [4a edição, p. 644, grifo dos autores]
    Segue o comentário deles:
    Também no exemplo de José Lins do Rego, a expressão umas carabinas ficou desligada do resto da oração principal. [...] O anacoluto é um fenômeno muito comum, especialmente na linguagem falada, e pode ser assim explicado: "depois de uma pausa, aquele que fala ou escreve abstrai-se do começo do enunciado e continua a exprimir-se como se iniciasse uma nova frase." (p. 645)
    Agora explicação de Rocha Lima:
    [O anacoluto consiste] numa desconexão sintática, resultante do desvio do plano de construção da frase. Iniciada com determinada estrutura, ela se interrompe de súbito e envereda por outro rumo. (Gramática Normativa da Língua Portuguesa, p. 489)
    com exemplo tirado de Almeida Garrett:
    E o desgraçado, tremiam-lhe as pernas e sufocava-o a tosse.
     

    Readomingues

    Senior Member
    Portuguese - Brazil
    Poder, pode. Seria o caso dos expletivos, por exemplo. Retire os expletivos, e a oração continua de pé.

    Mas não é o caso. As palavras grifadas não fazem parte da oração. Não é que elas façam parte mas, infelizmente, não cumpram uma função. Veja, elas pura e simplemente não fazem parte de: 'foram essas as mercadorias que chegaram'. Ora, elas nem mesmo aparecem nela! Por não fazerem parte da oração, não há função sintática para elas exercerem.

    Elas fazem, ou melhor, fariam parte de outra oração que foi abandonada no meio do caminho, por assim dizer. Imagine uma casa em construção, sem portas e janelas e com os tijolos ainda à vista, mas que foi abandonada antes do término porque o dono comprou o lote ao lado e achou melhor começar do zero outra casa ali. O anacoluto é a casa abandonada. A oração citada acima é a casa finalizada.

    O pronome 'essas' na casa finalizada está literalmente apontando para algo fora dela, a saber, para a casa abandonada, do mesmíssimo modo que o 'isso' em 'tira isso daqui agora!' aponta para um objeto real no mundo, algo fora da língua, por exemplo, prum chinelo velho largado no meio da sala minutos antes de chegarem as visitas.
    OK. Muito obrigado.
     
    < Previous | Next >
    Top