Gorro de grana

mendes26

New Member
Brasil - Portuguese
Estou traduzido um texto antigo para o português e apareceu "gorro de grana". O que quer dizer em português? Gorro deve ser alguma boina, chapéu ou coisa parecida, agora "de grana" não consigo entender. Se alguém puder me ajudar, agradeço muito!!
 
  • Cainejo

    Senior Member
    Español-España
    Só penso na cor "grana" (grená), termo que foi mais usado no passado e que foi para "granate" hoje. Acho que não tem outro significado. Já "gorro" é em geral um chapéu sem abas.
     

    mendes26

    New Member
    Brasil - Portuguese
    Só penso na cor "grana" (grená), termo que foi mais usado no passado e que foi para "granate" hoje. Acho que não tem outro significado. Já "gorro" é em geral um chapéu sem abas.
    Obrigado, Cainejo! Vou continuar pesquisando, embora não seja tão relevante para a tradução. Tenho a impressão de que o termo está relacionado com "grão", ou algo relativo, por exemplo, "granulado", dando a entender que o chapéu era feito de material áspero, lembrando grãos.

    Sem nenhuma certeza, é possível que 'grana' se trate de 'bérnio', um pano fino escarlate que antigamente era muito usado, entre outros usos, em colchas de cama.
    Obrigado, Carfer! Irei continuar pesquisando, mais por curiosidade que por outro motivo, já que pela tradução não é muito relevante. Acho que pode ter relação com "grão", ou relativo a grão, talvez "granulado", dando a entender que o chapéu é um tanto áspero.
     

    Carfer

    Senior Member
    Portuguese - Portugal
    Em apoio da minha anterior sugestão, encontrei isto no "L' Art de la teinture des laines et des étoffes de laine, en grand et petit", um tratado setecentista (1750) de um tal Jean Hellot (L' Art de la teinture des laines et des étoffes de laine, en grand et petit teint. Avec une instruction sur les déboüillis. Par M. Hellot...). Aí chama 'graine de Hollande ou 'graine de Venise' à cor com que eram tingidos certos tecidos finos, que, tal como o 'bérnio', são de cor escarlate, mencionando mais adiante que 'les draperies rouges des figures qu'on voit dans les anciennes tapisseries de Bruxelles et des autres manufactures de Flandres sont teintes avec cet ingrédient'
    escarlate de holanda.png


    O DRAE, por sua vez, diz que 'grana' é
    grana 2

    De grano 'abultamiento pequeño'.

    5. f. Paño fino usado para trajes de fiesta.
     

    Lamarimba

    Senior Member
    Sem nenhuma certeza, é possível que 'grana' se trate de 'bérnio', um pano fino escarlate que antigamente era muito usado, entre outros usos, em colchas de cama.

    GRANA. Paño mui fino de color purpúreo, llamado assí por teñirse con el polvo de ciertos gusanillos, que se crían dentro del fruto de la coscoja, llamado Grana. Latín. Pannus coccineus vel murice tinctus. MARM. Rebel. lib. 7. cap. 8. Andaba Aben Humeya vistoso delante de todos en un caballo blanco, con una aljúba de grana vestida. INC. GARCIL. Coment. part. 2. lib. 7. cap. 2. A Juan de Saavedra convidaron con lo necessario para la jornada, ofreciéndole cabalgadúra, sombrero, capa de grana y botas de camíno.

    del Diccionario de Autoridades, 1734
     

    mendes26

    New Member
    Brasil - Portuguese
    Em apoio da minha anterior sugestão, encontrei isto no "L' Art de la teinture des laines et des étoffes de laine, en grand et petit", um tratado setecentista (1750) de um tal Jean Hellot (L' Art de la teinture des laines et des étoffes de laine, en grand et petit teint. Avec une instruction sur les déboüillis. Par M. Hellot...). Aí chama 'graine de Hollande ou 'graine de Venise' à cor com que eram tingidos certos tecidos finos, que, tal como o 'bérnio', são de cor escarlate, mencionando mais adiante que 'les draperies rouges des figures qu'on voit dans les anciennes tapisseries de Bruxelles et des autres manufactures de Flandres sont teintes avec cet ingrédient'View attachment 66427

    O DRAE, por sua vez, diz que 'grana' é
    Carfer, muito obrigado mesmo pela contribuição!!!! Acho que essa é origem da palavra mesmo!!!

    GRANA. Paño mui fino de color purpúreo, llamado assí por teñirse con el polvo de ciertos gusanillos, que se crían dentro del fruto de la coscoja, llamado Grana. Latín. Pannus coccineus vel murice tinctus. MARM. Rebel. lib. 7. cap. 8. Andaba Aben Humeya vistoso delante de todos en un caballo blanco, con una aljúba de grana vestida. INC. GARCIL. Coment. part. 2. lib. 7. cap. 2. A Juan de Saavedra convidaron con lo necessario para la jornada, ofreciéndole cabalgadúra, sombrero, capa de grana y botas de camíno.

    del Diccionario de Autoridades, 1734
    Lamarimba, muito obrigado pela contribuição, somando todas as outras acho que vou conseguir uma tradução bem aproximada do equivalente em espanhol para "gorro de grana", mas será inevitável uma nota de rodapé... Obrigado!!

    Lamarimba, muito obrigado pela contribuição, somando todas as outras acho que vou conseguir uma tradução bem aproximada do equivalente em espanhol para "gorro de grana", mas será inevitável uma nota de rodapé... Obrigado!!
    Veja só o que achei: Como nota de curiosidade, entre os pigmentos mais antigos encontra-se o quermes ou grã, um corante vermelho escarlate extraído das fêmeas grávidas do pulgão, Kermes illici (antes designado por Kermococcus illici ou Coccus illici), que vive na orla mediterrânica sobre carvalhos ou plantas espinhosas como o azevinho. [fonte: As cores púrpura]
     
    Top