gravidezes?

olivinha

Senior Member
Português, Brasil
Oi, gente.
O plural de "gravidez" é "gravidezes"?
A frase em inglês:
During my two pregancies I had morning sickness.

Obrigada,
O
 
  • Outsider

    Senior Member
    Portuguese (Portugal)
    É o plural certo, embora raramente se use. Na prática, acho que o mais comum seria dizer algo como "das duas vezes que estive grávida..."
     

    olivinha

    Senior Member
    Português, Brasil
    Obrigada, Out. :)
    É o plural certo, embora raramente se use.
    É que soa muito estranho, tão feio como dizer arrozes ou lápises (são casos diferentes, mas não pude evitar a analogia).

    Talvez outra saída para "gravidezes" seria "gestações". :idea:
     

    Outsider

    Senior Member
    Portuguese (Portugal)
    O plural de "lápis" é "lápis". "Gestações" soa muito clínico, não? Quase parece que se fala de um agente patogénico!
     

    olivinha

    Senior Member
    Português, Brasil
    O plural de "lápis" é "lápis". "Gestações" soa muito clínico, não? Quase parece que se fala de um agente patogénico!
    Sim, o plural de lápis não é lápises*, por isso mesmo fiz a analogia: como se o plural de gravidez não pudesse ser gravidezes, porém como bem diz o link da Vanda acima: "esquisito não é sinônimo de errado É que poucas vezes se usa GRAVIDEZES ... E repare que DUAS GRAVIDEZES não soa mais esquisito que DUAS GRAVIDEZ ou DUAS GRAVIDEZAS (esta última sangra os tímpanos)."

    Bem, ademais de gestação, o Aurélio nos oferece outros sinônimos para gravidez: embaraço, gravidação :)eek:) e prenhez... Peraí, e o plural de prenhez? Prenhezes? :eek::eek:
    :rolleyes:
     

    Vanda

    Moderesa de Beagá
    Português/ Brasil
    hahaha, Olie, agora você vai deixar a gente doida. O pior é que é! O plural de prenhez é prenhezes. Só lembrando que quem fica prenhe é a vaca, nem que seja 'a vaca da sua mulher', conforme algum machão de carteirinha.:D
     

    Tagarela

    Senior Member
    Português - Brasil
    Olá,

    Bem, ademais de gestação, o Aurélio nos oferece outros sinônimos para gravidez: embaraço, gravidação :)eek:) e prenhez...
    Eu não conhecia embaraço. Nunca ouvi mesmo, pensei que fosse só no espanhol (embarazo).

    Concordo com a Vanda sobre o prenha. Eu não diria "quando mamãe estava prenha de mim...".

    Até.:
     

    Macunaíma

    Senior Member
    português, Brasil
    Gravidezes soa muito estranho mesmo. Parece da família dos lápises e dos cafezes (este, um clássico que eu não sei de onde surgiu, já que parece partir do pressuposto que o singular é cafés). Mas, é sério, eu já ouvi o 'singular' de fezes num bate-boca de prédio: "seu cachorro deixou uma fez enoooorme..." :D

    Eu também não fazia a menor idéia de que embaraço fosse sinônimo para gravidez em português! Embaraço soa para mim como 'estorvo' ou 'constrangimento'. Houve um tempo - no Brasil colonial, pelo menos - em que as mulheres não saiam à rua nem apareciam em público durante toda a gravidez. Era um dos poucos motivos que justificavam a ausência de uma mulher de família nas missas. Aparecer grávida diante dos olhos dos outros, mesmo para uma mulher casada, era como uma confissão de que ela mantinha relações sexuais, e isso, por absurdo que pareça, de alguma forma feria os códigos do recato e dos bons modos da época. Viria daí o 'embaraço'?
     

    Tagarela

    Senior Member
    Português - Brasil
    Olá,

    Eu também não fazia a menor idéia de que embaraço fosse sinônimo para gravidez em português! Embaraço soa para mim como 'estorvo' ou 'constrangimento'. Houve um tempo - no Brasil colonial, pelo menos - em que as mulheres não saiam à rua nem apareciam em público durante toda a gravidez. Era um dos poucos motivos que justificavam a ausência de uma mulher de família nas missas. Aparecer grávida diante dos olhos dos outros, mesmo para uma mulher casada, era como uma confissão de que ela mantinha relações sexuais, e isso, por absurdo que pareça, de alguma forma feria os códigos do recato e dos bons modos da época. Viria daí o 'embaraço'?
    Não sei se é a origem do termo, mas a sua foto casou bem com a sua explicação :D

    Em Portugal ou em algum outro país, embaraçada é usado como sinônimo de grávida normalmente?

    Até.:
     

    Carfer

    Senior Member
    Portuguese - Portugal
    Aqui em Portugal duvido. Pode ser que subsista na linguagem popular, que é o que o meu dicionário diz, mas para ser franco nunca ouvi senão em localidades próximas da fronteira com Espanha e parti sempre do princípio, porventura erróneo, de que se tratava de influência do castelhano. O Dicionário de espanhol da Vox (versão electrónica) confirma a etimologia portuguesa da palavra. Irónico, não é?
     

    Giorgio Lontano

    Senior Member
    Guatemala - Español
    Eis a etimologia que aponta a RAE para "embarazar":

    (Del port. o leon. embaraçar, der. de baraça, lazo, quizá voz de or. celta; cf. irl. ant. barr, copete).
    Em Latim, a palavra original é praegnāre (segundo meu dicionário), e acho interessante que em Português (e noutras línguas) adquirisse um sentido pejorativo.

    Sds.

    :)
     
    Last edited:

    WAMORZINHO

    Senior Member
    Portuguese
    Nossa! Não imaginava que no Brasil falasse embaraçada e a explicação do Macu sobre embaraçada, se for verdadeira, é muito interessante!!
    Tem fundamento isso Macu?
     

    Macunaíma

    Senior Member
    português, Brasil
    Nossa! Não imaginava que no Brasil falasse embaraçada e a explicação do Macu sobre embaraçada, se for verdadeira, é muito interessante!!
    Tem fundamento isso Macu?
    Sobre o costume relacionado à gravidez, você lê isso em autores que destrincham nossa história social, como Sérgio Buarque de Holanda e Gilberto Freyre. Eu não me lembro exatamente onde eu li a respeito, mas deve ter sido em Casa-Grande & Senzala ou Sobrados & Mucambos, que são os dois primeiros volumes da obra de Freyre entitulada Introdução à História da Sociedade Patriarcal no Brasil. Já se isso tem fundamento para explicar a origem do uso de embaraço/embaraçada para gravidez/grávida, eu não sei. Foi só uma coisa que me passou pela cabeça ao pensar em gravidez e o significado mais comum de embaraço.
     

    Carfer

    Senior Member
    Portuguese - Portugal
    E dois períodos de gravidez,soa estranho?
    Não, certamente que não. Mas também vos digo que, sem querer afirmar que 'gravidezes' se usa muito, o que não é verdade, também me parece que se está a gerar a ideia de que é um termo bastante insólito e também não acho que seja tanto assim.
     

    olivinha

    Senior Member
    Português, Brasil
    Ah, valeu Vanda. Você sempre encontra tudo!

    Aí, Out, parece que dizer "gestações" não é tão feio assim:

    Sendo assim, no caso de mais de uma, é melhor e mais elegante falar em gestação:
    Maria teve sete gestações em 10 anos.
    :cool::p
     

    Carfer

    Senior Member
    Portuguese - Portugal
    Vi a opinião expendida nessa resenha sobre o plural de gravidez, que sustenta a sua inexistência ou, pelo menos, a inconveniência do uso e, sinceramente, não fiquei persuadido. Não vejo lá nenhuma razão convincente que permita concluir, como lá se conclui, que é melhor e mais elegante substituir gravidezes por gestações.

    Começa por que há uma diferença de sentido entre ambos os termos, subtil, é certo, mas ainda assim uma diferença. Gravidez é o estado de prenhez, o estado da mulher durante a gestação, enquanto a gestação é o processo ou o tempo de desenvolvimento do feto, da fecundação ao parto (podem-me dizer que é mais um 'distinguo' de jurista, mas não me parece tão irrelevante como isso).

    Há circunstâncias em que gestações me parece ajustar-se mal. Andei à procura de uns quantos textos em que fosse usada a palavra gravidezes e interrogo-me, por exemplo, qual dos usos parece mais correcto em casos como este.Vejamos:

    - 'Aumentam as gravidezes não desejadas' ou 'aumentam as gestações não desejadas'

    - 'Portugal ocupa 2.º lugar em gravidezes adolescentes' ou 'Portugal ocupa 2.º lugar em gestações adolescentes'

    - Dos 6 milhões de gravidezes registadas anualmente nos EUA, cerca de metade são consideradas não intencionais ou não planeadas ou Dos 6 milhões de gestações registadas anualmente nos EUA, cerca de metade são consideradas não intencionais ou não planeadas

    - o fato de a maioria das gravidezes terem ocorrido fora de uniőes reconhecidamente estáveis ou o fato de a maioria das gestações terem ocorrido fora de uniőes reconhecidamente estáveis

    - Cerca de 25 por cento dos tratamentos de infertilidade por reprodução medicamente assistida provocam gravidezes múltiplas e estas originam bebés "prematuros" ou Cerca de 25 por cento dos tratamentos de infertilidade por reprodução medicamente assistida provocam gestações múltiplas e estas originam bebés "prematuros".

    Por mim, pendo claramente para gravidezes. Que acham?
     
    Last edited:

    Outsider

    Senior Member
    Portuguese (Portugal)
    Aí, Out, parece que dizer "gestações" não é tão feio assim:
    Não é que seja feio, mas a mim soa-me demasiado clínico. É o género de linguagem que os médicos usam entre si, mas as pessoas comuns nem tanto.
     
    < Previous | Next >
    Top