me custa (a) dizer

  • Ari RT

    Senior Member
    Português - Brasil
    Deixando os dicionários de lado, meu ouvido (que sempre pode estar mal acostumado, é claro) entende

    custar a = demorar, tomar tempo
    - - no inverno, o motor do carro custava a arrancar;
    - - custei a entender o problema (não entendi imediatamente);
    - - custei a crer que ela me abandonara (demorei a acreditar);

    custar t.d. = ter preço, ter contrapartida, vir em troca de algo
    - - custou-me crer que ela me abandonara (foi penoso cair na realidade);
    - - a aposentadoria precoce custou-lhe uma promoção certa (a promoção foi o preço pago).
     

    Carfer

    Senior Member
    Portuguese - Portugal
    Não podendo de momento ser mais detalhado, com verbos como 'crer' e 'acreditar' uso quase sempre a preposição (com 'crer' diria mesmo sempre). Se me é penoso dizer alguma coisa a alguém (dar-lhe uma má notícia, por exemplo) não uso preposição ('custa-me dizer-te que F... faleceu'), mas se tiver dificuldade em fazer alguma coisa, frequentemente uso ('custa-me a pronunciar o 'r'). Neste último caso, pode haver outros factores a influenciar a opção, designadamente a forma como soa ou a ordem das palavras na frase. No exemplo sugerido por Dymn, no qual não atentei bem, a opção pela omissão resulta de ter interpretado a frase no sentido de me ser penoso dizer.
     
    < Previous | Next >
    Top