Morrer de ou morrer com

Oliveiratadeu

Banned
Português
Não me matarei, meus amigos.
Não o farei, possivelmente.
Mas que tenho vontade, tenho.
Tenho, e, muito curiosamente,

Com um tiro.

Ora, levando-se que o verbo é morrer, o certo não seria "e, muito curiosamente, de tiro"? Ou "morrer com" é possível?
 
  • machadinho

    Senior Member
    Português do Brasil
    Não me matarei, meus amigos.
    Não o farei, possivelmente.
    Mas que tenho vontade, tenho.
    Tenho, e, muito curiosamente,

    Com um tiro.

    Ora, levando-se que o verbo é morrer, o certo não seria "e, muito curiosamente, de tiro"? Ou "morrer com" é possível?
    'Morrer' não; o verbo é 'matar'.
     
    Last edited:

    Carfer

    Senior Member
    Portuguese - Portugal
    o certo não seria "e, muito curiosamente, de tiro"? Ou "morrer com" é possível?
    Abstraindo do facto de que machadinho tem razão quando nota que o verbo é 'matar', 'morrer com' é possível, sim, ainda que talvez menos frequente do que 'morrer de'. No fim de contas, entre a causa e o modo não há grande diferença, morre-se na mesma.
     

    englishmania

    Senior Member
    Português Europeu
    Como disseram, aqui o verbo é matar-se.

    Basta experimentar o poema com as duas opções.

    Não me matarei...
    :cross: ... de um tiro.
    :tick: ... com um tiro.
     

    Carfer

    Senior Member
    Portuguese - Portugal
    Não tenho a certeza de que 'matar(-se) de um tiro' seja incorrecto. Certamente que é menos comum do que 'matar(-se) com /a/ tiro', mas há, pelo menos, um exemplo antigo e aceite da regência com 'de': a expressão 'matar dois coelhos de uma só cajadada'. Pensando melhor, 'matar de fome' parece ser tão legítimo como 'matar à fome' e, nesse caso, penso que 'com' nos soaria estranho. 'Matar-se de tanto trabalhar' parece ser mais frequente do que 'matar-se com tanto trabalhar'.
     

    englishmania

    Senior Member
    Português Europeu
    Posso ter-me precipitado a dizer que era incorreto, porque não me soa bem "de um tiro" e soa-me muito melhor "com um tiro" no exemplo apresentado. Isto não quer dizer que eu ache incorreto dizer "matar de" em todos os casos ("matar de amor").
     

    machadinho

    Senior Member
    Português do Brasil
    É que o 'com' introduz o instrumento da morte, não a causa.

    Matou-se de tanto desgosto com um tiro.​
     
    Last edited:

    machadinho

    Senior Member
    Português do Brasil
    Mas funciona também: ele matou o pai de desgosto com a notícia. Se bem quem há certa --- como se diz mesmo? --- transposição do significado.
     

    Carfer

    Senior Member
    Portuguese - Portugal
    Mas funciona também: ele matou o pai de desgosto com a notícia. Se bem quem há certa --- como se diz mesmo? --- transposição do significado.
    Era isso mesmo que ia dizer, que também se pode provocar a morte de outras maneiras que não as estritamente físicas. 'De/com/ um tiro', além do mais, na linguagem comum, tanto pode ser o modo como a causa. Julgo que é assim que habitualmente entendemos, porque, se assim não for e quisermos ser rigoristas, a causa da morte não é o tiro, é o ferimento que ele provoca, e será seguramente este que virá referido como causa da morte no relatório da autópsia e na acusação pelo crime.
     
    < Previous | Next >
    Top