pronto

kynnjo

Senior Member
USA Spanish and English
I know that pronto means "ready", but this translation does not work in the following context (transcribed from a podcast):

De espanhol tenho um livro, o teach yourself, e então, e como não é muito difícil pronto… agora o alemão tenho de estudar na escola
I have a book on Spanish, a "teach yourself", so, since it is not very difficult, [pronto]... Now, the German I have to study in school.

What would be a good translation of pronto in the sentence above?

TIA!

~K
 
  • Vanda

    Moderesa de Beagá
    Português/ Brasil
    De espanhol tenho um livro, o teach yourself, e então, e como não é muito difícil pronto… agora o alemão tenho de estudar na escola.

    I have no idea. :)Are you sure there are no types there?? Or punctuations? Any other detail?
     

    kynnjo

    Senior Member
    USA Spanish and English
    De espanhol tenho um livro, o teach yourself, e então, e como não é muito difícil pronto… agora o alemão tenho de estudar na escola.

    I have no idea. :)Are you sure there are no types there?? Or punctuations? Any other detail?
    I didn't make the transcription, but it sounds OK to my non-native-speaker's ears. I should have mentioned that the speaker of that line is from Portugal, in case this makes any difference.

    Maybe it's a personal idiosyncrasy of this speaker, but he uses pronto a lot, in ways that don't seem to mean "ready". Here's another example, from the same individual:

    Portanto, como tu sabes, eu sem ser aqui em Portugal nunca fui a outros sítios, pronto, fui a Espanha.

    Actually, I can't even fully translate this sentence, only fragments: "Therefore, as you know, ??? here in Portugal I never went to other places, [pronto], I went to Spain." I'm thrown off not only by the pronto, but also by the sem ser. Again, as with the other example I posted, I found the transcript ready-made online.

    ~K
     

    Archimec

    Senior Member
    Portugal, portuguese
    It means "that's it", "problem solved", "then...", "O.K", and some people, in Portugal, tend to use it a lot. (It sounds a bit effeminate to me)
    "sem ser aqui em Portugal"= besides here, in Portugal,...
     
    Last edited:

    Vanda

    Moderesa de Beagá
    Português/ Brasil
    That is why I've asked if there were any punctuations, because I have understood the way Archimed said above. We'd say e pronto! And that is it, But as it is in the 1st sentence, withouth any punctuation it could be another thing.
     

    kynnjo

    Senior Member
    USA Spanish and English
    It means "that's it", "problem solved", "then...", "O.K", and some people, in Portugal, tend to use it a lot. (It sounds a bit effeminate to me)
    "sem ser aqui em Portugal"= besides here, in Portugal,...
    Thanks! BTW, FWIW, in the recording, the voice as such, and the overall intonation, don't sound at all effeminate to me. I imagine you mean that pronto used in this way is a usage more common among women than among men.

    ~K
     
    Last edited:

    Dymn

    Senior Member
    Eu acho que este uso lusitano pode ser traduzido com a interjeição "well", denota um ligeiro desacordo com a afirmação anterior:

    Eu nunca fui a outros sítios, pronto, fui a Espanha.
    I've never been anywhere else, well, I've been to Spain.

    Para deixar estar um assunto, quando não queres discutir com outra pessoa, "mas pronto" pode ser traduzido como "but ok":

    Há melhores sítios, mas pronto.
    There are better places, but ok.


    Em ambos os casos acredito que "pronto" pode ser substituído por "bom".
     

    Carfer

    Senior Member
    Portuguese - Portugal
    Em ambos os casos acredito que "pronto" pode ser substituído por "bom".
    Ou por 'bem ...' ou por interjeição semelhante que introduza uma concessão. No entanto, noutros casos o sentido pode ser conclusivo ou um misto de ambos ('Pronto, acabou-se', 'Pronto, não se fala mais nisso.')
     

    englishmania

    Senior Member
    Português Europeu
    "Pronto" normalmente é uma palavra que funciona como uma "bengala" e que pode ser omitida, pois não tem muito significado mas é bastante comum (em Portugal) e expressiva. É usada no registo coloquial.

    E pronto, lá fomos.
    Queria ter ido, mas pronto, não deu.
    E ele, pronto, disse que não queria.
    Oh pronto... Estava-se mesmo a ver!
    Pronto, não se fala mais nisso. (que o Carfer referiu, que parece ter um sentido mais conclusivo)
    Pronto, está bem, vai lá.
    Pronto, pronto... Está tudo bem. (por exemplo, ao consolar uma criança que chora)


    E, claro, também significa "estar preparado/a(s)" e varia em género e número.
    "Ele já está pronto para sair."
    "Todos prontos?"
     
    Last edited:

    Guigo

    Senior Member
    Português (Brasil)
    "Pronto" normalmente é uma palavra que funciona como uma "bengala" e que pode ser omitida, pois não tem muito significado mas é bastante comum (em Portugal) e expressiva. É usada no registo coloquial.
    E pronto, lá fomos.
    Queria ter ido, mas pronto, não deu.
    E ele, pronto, disse que não queria.
    Oh pronto... Estava-se mesmo a ver!
    Pronto, não se fala mais nisso. (que o Carfer referiu, que parece ter um sentido mais conclusivo)
    Pronto, está bem, vai lá.
    Pronto, pronto... Está tudo bem. (por exemplo, ao consolar uma criança que chora)
    E, claro, também significa "estar preparado/a(s)" e varia em género e número.
    "Ele já está pronto para sair."
    "Todos prontos?"
    Também se usa, no Brasil, todas ou quase todas as mencionadas.

    Lembrando uma outra acepção de pronto, que minha mãe usava muito: duro, sem dinheiro. Ex.: "Fulano é um pronto". Não sei se é corrente, em Portugal.
     

    Carfer

    Senior Member
    Portuguese - Portugal
    Lembrando uma outra acepção de pronto, que minha mãe usava muito: duro, sem dinheiro. Ex.: "Fulano é um pronto". Não sei se é corrente, em Portugal.
    Não, não usamos, que eu saiba. O equivalente português talvez mais comum será 'teso' ('F... é um teso'). Muito parecido, mas muito diferente e significando 'cómico', 'divertido', 'engraçadinho', é 'ponto' ('F... é um ponto'
     

    englishmania

    Senior Member
    Português Europeu
    De facto, em Portugal não usamos "ponto" para designar alguém sem dinheiro.

    [Brasil, Informal] Que ou quem não tem dinheiro.
    "pronto", in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa


    Também não uso/conheço "ponto" para falar de alguém engraçado.
     

    Carfer

    Senior Member
    Portuguese - Portugal
    Também não uso/conheço "ponto" para falar de alguém engraçado.
    Não garanto que ainda seja, mas dizer que alguém 'é um ponto' para qualificar quem é engraçado ou brincalhão e nos diverte era muitíssimo comum em Portugal ainda há não muitos anos. No youTube há um vídeo (sem imagens, só som, procure por "Anabela, você é um ponto") em que, curiosamente, ocorrem os dois termos em causa, 'pronto' e 'ponto'. É uma gravação de parte de um programa de rádio - aparentemente um daqueles concursos sem pés nem cabeça que vicejam na rádio e na televisão - , em que o locutor pede a uma concorrente que adivinhe o peso de um saco, informando desde logo que é superior a quatro quilos e meio. A D. Anabela de Malhadas não parece dar-se bem com os números e faz rir o locutor com os seus palpites. A dada altura (cerca do minuto 2:00 na versão que encontrei) o locutor diz "Anabela, você é um ponto". 'Pronto', nas acepções de que temos vindo a falar, ouve-se perto do fim, no minuto 4:00, mais ou menos.
     

    englishmania

    Senior Member
    Português Europeu
    Não garanto que ainda seja, mas dizer que alguém 'é um ponto' para qualificar quem é engraçado ou brincalhão e nos diverte era muitíssimo comum em Portugal ainda há não muitos anos. No youTube há um vídeo (sem imagens, só som, procure por "Anabela, você é um ponto") em que, curiosamente, ocorrem os dois termos em causa, 'pronto' e 'ponto'. É uma gravação de parte de um programa de rádio - aparentemente um daqueles concursos sem pés nem cabeça que vicejam na rádio e na televisão - , em que o locutor pede a uma concorrente que adivinhe o peso de um saco, informando desde logo que é superior a quatro quilos e meio. A D. Anabela de Malhadas não parece dar-se bem com os números e faz rir o locutor com os seus palpites. A dada altura (cerca do minuto 2:00 na versão que encontrei) o locutor diz "Anabela, você é um ponto". 'Pronto', nas acepções de que temos vindo a falar, ouve-se perto do fim, no minuto 4:00, mais ou menos.
    Já ouvi. Não duvidei que a expressão existia, mas continua a não me ser familiar. ;) Conheço as expressões "És um cromo/ És uma peça".
     
    Last edited:
    < Previous | Next >
    Top