Ser uma peça

GABILI

Senior Member
Argentina - Español
Olá!
Gostaria de saber qual seria a tradução de SER UMA PEÇA.
Pergunto por causa do filme "Minha mãe é uma peça".
Obrigada
 
  • pfaa09

    Senior Member
    Portugal - Portuguese
    Neste contexto, significa que a mãe é especial, por ter uma personalidade diferente.
    Não conheço o filme, mas o adjectivo remete para isso.
    Pessoa engraçada, extrovertida, sui generis, feitio próprio, característico, pitoresco, fora da caixa, brejeira (no bom sentido).

    Nota: Não existe qualquer comparação com a palavra "peça" parte de uma máquina, de um carro, etc.
     
    Last edited:

    gato radioso

    Senior Member
    spanish-spain
    Neste contexto, significa que a mãe é especial, por ter uma personalidade diferente.
    Não conheço o filme, mas o adjectivo remete para isso.
    Pessoa engraçada, sui generis, feitio próprio, característico.

    Nota: Não existe qualquer comparação com a palavra "peça" parte de uma máquina, de um carro, etc.
    Mas é um termo positivo, não é?
    Porque nós também o temos, mas é sempre negativo, embora não muito negativo necessariamente.
    Ser una buena pieza é ser um estroina, alguém mau, uma mulher libertina... ainda um menino que seja um pouco traquinas...
     

    pfaa09

    Senior Member
    Portugal - Portuguese
    Mas é um termo positivo, não é?
    Sim, é positivo. A ideia é classificar uma pessoa como sendo diferente, diz aquilo que tem para dizer.
    É uma personalidade diferente do padrão "normal", digamos assim. É uma pessoa mais atrevida, mais extrovertida.
    Eu já fui espreitar o trailer, e, tal como suspeitava, é alguém com estas características.

    Aquilo que encontro de mais parecido, talvez seja: "A minha mim é cá uma personagem". A frase em si não é 100% esclarecedora, mas um nativo percebe logo que se trata de tal pessoa.
     

    Cainejo

    Senior Member
    Español-España
    O Aulete da estes dois sentidos para pessoas:

    8. Bras. Pessoa ou animal cuja beleza chama atenção.

    15. Pop. Pessoa incomum, divertida, ger. hilariante: "Foi o nosso grande camarada... a boa peça do José Manuel..." (Manuel Antônio de Almeida, Memórias de um sargento de milícias))

    O segundo concorda com o que diz pfaa09.
     

    olivinha

    Senior Member
    Português, Brasil
    Yo traduciría Menudo personaje es mi madre.
    (Brasil está de luto por la muerte por covid del protagonista y creador de este personaje. :( )
     

    Carfer

    Senior Member
    Portuguese - Portugal
    Como não conheço o filme, admito que nesse caso a conotação possa ser positiva, mas, em geral, no português daqui, 'ser (cá) uma peça!' tem conotação claramente negativa. 'Uma peça' é um sujeito ruim, maldoso, de quem só se pode esperar malfeitorias. Agora, isso não se diz da mãezinha, mesmo que haja algumas que merecem:
    Priberam:
    pe·ça |é|
    nome feminino
    (...)
    19. Pessoa astuta e maldosa.
     

    pfaa09

    Senior Member
    Portugal - Portuguese
    Por aqui onde me encontro (Norte) não tem essa conotação negativa.
    Costumamos dizê-lo de forma "engraçada", adjectivando alguém de ser o que já escrevi mais acima, ou seja, irreverente, atrevido, dizer o que pensa, etc. Claro que existe alguma conotação negativa, ou seja, há coisas erradas pelo meio, mas de um modo geral, não tenho esse entendimento do adjectivo/expressão.
     

    GABILI

    Senior Member
    Argentina - Español
    Acho que a tradução que dá a Olivinha estaria bem próxima da ideia do que poderíamos chegar a falar no espanhol da Argentina, que é o que eu preciso. Aqui falaríamos, então,
    "Mi mamá es un personaje" no sentido que também foi introduzido por Cainejo de " pessoa incomum, hilariante" e Pfaa9 no início.

    Nesse sentido, faço mais uma consulta: em português do Brasil falar MINHA MÃE É UMA FIGURA poderia ser equivalente a "MINHA MÃE UMA PEÇA" ?

    Muito obrigada a todos por sua ajuda!
     

    zema

    Senior Member
    Español Argentina
    "Mi madre es toda una figura" es justo lo que naturalmente me saldría si quisiera decir eso en la Argentina.

    Una pena el fallecimiento de Paulo Gustavo, era realmente muy gracioso.
     

    gato radioso

    Senior Member
    spanish-spain
    Concordo.
    Se quisermos um termo positivo:
    Juan es un personaje (no entanto, algumas vezes pode ser negativo, se o contexto for claramente assim)
    Juan es un figura (muito positivo)
    Se quisermos um termo negativo:
    Juan es una (mala) pieza
     
    Last edited:

    Ari RT

    Senior Member
    Português - Brasil
    Creio que venha de "peça rara", algo que não se encontra com frequência. Minha mãe é uma rareza. Mom is quite the character.
    Menudo personaje, menuda figura.
    (iNada que ver con "buena pieza / mala pieza"!)
     

    Carfer

    Senior Member
    Portuguese - Portugal
    Há 18 páginas no índice de fios deste forum em que 'peça' é referida, umas larguíssimas centenas, portanto. Porém, além deste, só há dois em que 'peça' aparece e, mesmo assim, apenas incidentalmente, como qualificativo de pessoa. (Vai nessa! - post da Audie, referido á variante brasileira e
    Piece of work, post da englishmania na variante europeia).
    É, pois, natural, que uma futura consulta sobre esta acepção de 'peça' venha aqui parar, pelo que me parece útil acrescentar o seguinte em relação ao significado que eu conheço no português europeu. 'Peça rara', em sentido positivo, é algo que eu só diria a respeito de uma coisa, nunca de uma pessoa e muito menos da minha mãe. Parece-me que, no português europeu, com a excepção que o pfaa refere, só tem conotações negativas. Entre 20 acepções que o Priberam regista, só uma se refere a pessoas e também ela é negativa (a 19ª, que citei). O dicionário omite outra, a de 'peça' com o significado de 'escravo' na terminologia do trato negreiro, que me pergunto se não terá influenciado essa percepção negativa do significado do termo. Na qualificação positiva, recorreria aos termos equivalentes aos que o gato radioso indicou para o espanhol. E, por último, ainda que possa parecer contraditório, 'ser boa peça' ou 'ser má peça', significam exactamente o mesmo, a pessoa não passa de um tratante (evidentemente, 'F... é boa peça' é ironia, F... é, obviamente, um malandro).
     

    Carfer

    Senior Member
    Portuguese - Portugal
    Olá. Eu acho que não tem problema na tradução direta:
    Mi madre es una pieza - Buscar con Google

    En WR_SP
    el pieza?

    Un saludo.

    Não terá? No fio WR_SP que citou, 'pieza' é assim definida (post #3):
    'Se dice que es un pieza a aquel que es díscolo, anàrquico, va a la suya con puteria, posiblemente en el trabajo hace lo que tiene que hacer pero justito.'
    Se a conotação de 'peça' neste filme é positiva, como afirma quem o viu, como é que se compatibiliza com essa definição? Ou tem outra?
    Quanto à pesquisa no Google, a primeira entrada que me aparece (Mi madre es una pieza - Películas en Google Play) traduz, efectivamente, por 'Mi madre es una pieza', mas logo ao lado tem uma imagem em que o título é 'mi mamá es un personaje', que parece mais adequado ao significado que lhe atribuem.
     

    Vanda

    Moderesa de Beagá
    Português/ Brasil
    Na verdade, o autor jogou com dois significados aqui. Ontem, numa entrevista na tv, a mãe dele disse que ele, quando adolescente, não queria trabalhar e vivia dizendo que ia escrever uma peça sobre a mãe, daí o título da peça teatral. Contudo, também está implícita a conotação que damos a peça como: ' Pessoa incomum, divertida, ger. hilariante', que na verdade, é a primeira coisa que a gente pensa ao assistir o filme, aquela mãe que todo o mundo tem em casa: enervante e engraçada ao mesmo tempo.
     

    Rosamariama

    Senior Member
    Español peninsular
    'Mi madre es una pieza', mas logo ao lado tem uma imagem em que o título é 'mi mamá es un personaje'
    Sí, las dos, aunque decir mamá en contextos formales, como creo que es sabido, no es propio del español peninsular.

    Para mí "ser un/una pieza" (o "estar hecho una buena pieza"), con el mismo sentido que en portugués, diría, es del todo habitual:

    https://www.lavanguardia.com › muyfan › consultorio-...

    21 sept 2016 — “Mi hermana está saliendo con un tío que es un pieza y no sé cómo decírselo”.

    Com sentido positivo ou negativo dependerá do contexto, do mesmo jeito que acontece quando alguém nos diz "você é muito esperto" (ou você é um fdp!; ou "você é *um (uma) personagem"), que pode ser afetuoso ou pode ser ofensivo segundo a situação.

    Na verdade, o autor jogou com dois significados aqui...: uma peça sobre a mãe, daí o título da peça teatral. Contudo, também está implícita a conotação que damos a peça como: ' Pessoa incomum, divertida, ger. hilariante'

    :thumbsup:
     
    Last edited:

    zema

    Senior Member
    Español Argentina
    En Argentina, y creo que en Hispanoamérica en general, eso de "mi madre" y "mi mamá" realmente no funciona igual que en España; al menos fue lo que entendí en estos foros.
    Por aquí, que yo opte en una determinada ocasión por decir "mi madre", "mi mamá" o "mi vieja" (por nombrar tres formas frecuentísimas) no va a depender mucho de mi edad sino sobre todo del contexto, de la confianza que yo tenga con mis interlocutores o de la confianza que yo elija darles en ese momento.
    Por ejemplo, sonaría inusualmente distante que me refiriera a ella como "mi madre" si estoy hablando con amigos o gente de mi confianza, más aún si ellos la conocen o conocieron.
    En el caso particular de estas películas, creo que tanto "mi mamá" como "mi madre" estarían bien por aquí. Si digo "mi mamá" no suena afectado o infantil, más bien suena a que estoy tratando al público con mayor naturalidad, confianza o cercanía que si me refiero a ella como "mi madre", siempre un poco más formal.

    Cuando comentaron la noticia de la muerte de Paulo Gustavo, muchos medios argentinos se refirieron a su serie de películas como "Mi madre/mamá es un caso", traducción que no me convence demasiado. Yo como mínimo hubiera ampliado a "...es todo un caso" o "...es un caso serio".
     
    Last edited:

    gato radioso

    Senior Member
    spanish-spain
    En Argentina, y creo que en Hispanoamérica en general, eso de "mi madre" y "mi mamá" realmente no funciona igual que en España; al menos fue lo que entendí en estos foros.
    Por aquí, que yo opte en una determinada ocasión por decir "mi madre", "mi mamá" o "mi vieja" (por nombrar tres formas frecuentísimas) no va a depender mucho de mi edad sino sobre todo del contexto, de la confianza que yo tenga con mis interlocutores o de la confianza que yo elija darles en ese momento.
    Por ejemplo, sonaría inusualmente distante que me refiriera a ella como "mi madre" si estoy hablando con amigos o gente de mi confianza, más aún si ellos la conocen o conocieron.
    En el caso particular de estas películas, creo que tanto "mi mamá" como "mi madre" estarían bien por aquí. Si digo "mi mamá" no suena afectado o infantil, más bien suena a que estoy tratando al público con mayor naturalidad, confianza o cercanía que si me refiero a ella como "mi madre", siempre un poco más formal.

    Cuando comentaron la noticia de la muerte de Paulo Gustavo, muchos medios argentinos se refirieron a su serie de películas como "Mi madre/mamá es un caso", traducción que no me convence demasiado. Yo como mínimo hubiera ampliado a "...es todo un caso" o "...es un caso serio".
    Sim, por estes lados, "mamá" é muito mais limitado. É o termo normal entre meninos, o quando alguém fala com uma criança, mas se fores adulto só é entre irmãos que soa bem. Fica um bocadinho estranho se tiveres cinquenta anos o facto de dizer: Voy a hablar con mi mamá...se estiveres a conversar com primos/amigos/estranhos diz-se: Voy a hablar con mi madre..., mas entre irmãos: Voy a hablar con mamá.
    Papá e padre são o mesmo caso.
     

    Rosamariama

    Senior Member
    Español peninsular
    Ser / estar hecho un elemento, se dice mucho en España. Y concuerda un poco con la idea de peça.
    Es cierto, pero se perdería la intención del autor que sí mantiene la traducción directa (por suerte existe la misma polisemia para el mismo término en ambos idiomas: pieza teatral y este apelativo que comentamos:
    Na verdade, o autor jogou com dois significados aqui. Ontem, numa entrevista na tv, a mãe dele disse que ele, quando adolescente, não queria trabalhar e vivia dizendo que ia escrever uma peça sobre a mãe, daí o título da peça teatral. Contudo, também está implícita a conotação que damos a peça como: ' Pessoa incomum, divertida, ger. hilariante', que na verdade, é a primeira coisa que a gente pensa ao assistir o filme, aquela mãe que todo o mundo tem em casa: enervante e engraçada ao mesmo tempo.

    Un saludo.
     
    Top