SIPAIO

  • Vanda

    Moderesa de Beagá
    Português/ Brasil
    #2
    E o que é sipaio?
    Este significado abaixo?
    s. m. || soldado indígena da Índia, ao serviço dos ingleses. || Soldado ao serviço da Companhia de Moçambique.

    Por favor, escreva a frase em que achou a palavra.
     
    #3
    O chefe do posto manda, o sipaio cumpre

    É só estar com atenção. Um dia destes o sipaio que dirige
    o Jornal de Angola vai provar que Jonas Savimbi ainda
    era mais criminoso do que diz o MPLA.

    aquelas são as frases... :D
     

    willy2008

    Senior Member
    español-Argentina
    #4


    cipayo.
    (Quizá del port. sipay, y este del persa sepāhi, soldado).
    1. m. Soldado indio de los siglos XVIII y XIX al servicio de Francia, Portugal y Gran Bretaña.
    2. m. despect. Secuaz a sueldo.



    Real Academia Española © Todos los derechos reservados
     

    zema

    Senior Member
    Español Argentina
    #5
    En Argentina decir cipayo volvió a estar de moda, después de décadas.
    Por acá se usa como sinónimo de "vendepatria", no sé si se dirá así en otros países, ni si es ése exactamente el sentido que tiene en el texto.
     

    Carfer

    Senior Member
    Portuguese - Portugal
    #6
    O chefe do posto manda, o sipaio cumpre

    É só estar com atenção. Um dia destes o sipaio que dirige
    o Jornal de Angola vai provar que Jonas Savimbi ainda
    era mais criminoso do que diz o MPLA.

    aquelas são as frases... :D
    O 'sipaio/cipaio' era um soldado indígena, usado pelas autoridades coloniais portuguesas para fins sobretudo de policiamento das comunidades rurais nativas. Houve-os em quase todas as colónias portuguesas, mesmo na Índia e em Macau, para onde eram habitualmente destacadas companhias de sipaios africanos (daí que, embora os sipaios possam ter tido origem na Índia, no caso português eram maioritariamente negros africanos).
    O 'chefe de posto' era o representante da administração colonial nas circunscrições menos desenvolvidas e fazia de administrador, autoridade policial, juiz, cobrador de impostos, etc. Eram quase sempre europeus ou cabo-verdianos, que eram os colonizados mais instruídos e desenvolvidos, se exceptuarmos os brâmanes da Índia portuguesa (para mais informação veja http://pt.wikipedia.org/wiki/Posto_administrativo).

    Repare que o 'chefe de posto', ainda que tendo uma posição fundamental na administração colonial, era o funcionário de mais baixa categoria da hierarquia administrativa e o sipaio estava-lhe subordinado e cumpria as suas ordens. Portanto, qualificar um nosso contemporâneo de sipaio, além de injurioso, só pode querer insinuar que quem dirige o 'Jornal de Angola' é um serviçal de quem manda no país (no caso o MPLA - atenção que estou só a interpretar o texto, não a sancionar a afirmação)
     

    zema

    Senior Member
    Español Argentina
    #7
    Repare que o 'chefe de posto', ainda que tendo uma posição fundamental na administração colonial, era o funcionário de mais baixa categoria da hierarquia administrativa e o sipaio estava-lhe subordinado e cumpria as suas ordens. Portanto, qualificar um nosso contemporâneo de sipaio, além de injurioso, só pode querer insinuar que quem dirige o 'Jornal de Angola' é um serviçal de quem manda no país (no caso o MPLA - atenção que estou só a interpretar o texto, não a sancionar a afirmação)
    Então, Carfer, acho que o sentido nessa segunda frase poderia ser bem próximo de lacayo.
     

    Carfer

    Senior Member
    Portuguese - Portugal
    #8
    Então, Carfer, acho que o sentido nessa segunda frase poderia ser bem próximo de lacayo.
    Absolutamente. Mas note que, fora de um contexto africano, o sentido não seria tão compreensível. Cá, a maioria das pessoas não faz ideia do que seja um sipaio, pelo que 'lacaio' funcionaria muito melhor, de facto. Em todo o caso, perde aquela conotação de agente armado, que força á obediência pela violência e pela força das armas, que 'sipaio' pode comportar mas 'lacaio' não (no Brasil, por exemplo, 'capanga' ou 'jagunço' talvez fossem melhor opção).
     

    zema

    Senior Member
    Español Argentina
    #9
    Absolutamente. Mas note que, fora de um contexto africano, o sentido não seria tão compreensível. Cá, a maioria das pessoas não faz ideia do que seja um sipaio, pelo que 'lacaio' funcionaria muito melhor, de facto. Em todo o caso, perde aquela conotação de agente armado, que força á obediência pela violência e pela força das armas, que 'sipaio' pode comportar mas 'lacaio' não (no Brasil, por exemplo, 'capanga' ou 'jagunço' talvez fossem melhor opção).
    É sempre um prazer ler as suas postagens, Carfer.

    Na Argentina também falamos capanga, que acho que tomamos emprestado do Pt-Br. Só que às vezes usamos com o sentido de jagunço, e outras com o sentido de manda-chuva.
     
    Top