Ter pelo na venta

Orxeira

Senior Member
galego
  • Orxeira

    Senior Member
    galego
    acho que encontrei uma opção perfeita para traduzir "de pelo na venta" ...


    de armas tomar

    1. loc. adj. Dicho de una persona: de cuidado.
    2. loc. adj. Dicho de una persona: Que muestra bríos y resolución para acometer empresas arriesgadas.

    Definición RAE

    1. Arriesgada. Valiente. Es una mujer que olvida de si misma por defender lo que le parece justo. Ponerse como Escudo ante sus hijos. Y ante el peligro, lo enfrenta
    2. Que responde a la menor provocación dispuesta (o) al pleito o pelea
    3. Mujer inteligente, emprendedora, trabajadora, o como se dice de forma coloquial 'camelladora'.

    No significadode.org
     

    pfaa09

    Senior Member
    Portugal - Portuguese
    Orxeira, sei que já entendeu o significado, no entanto, deixe-me dizer que usamos muito essa expressão
    aqui em Portugal sempre que queremos adjectivar uma mulher "forte", sem papas na língua, que não pede a ninguém para falar por ela, que não se envergonha em dizer aquilo que sente, que arregaça as mangas para discutir e dizer o que lhe vai na alma, independentemente da ou das pessoas que tem pela frente.
    Parece que não restam dúvidas quanto ao significado da expressão.

    Aqui a ideia é uma comparação a um homem de barba, que teoricamente transmite uma imagem de pessoa mais forte, mais rude.
    Tal como a expressão "homem de barba rija" Homem forte, homem de verdade.

    Saludos
     

    Orxeira

    Senior Member
    galego
    Orxeira, sei que já entendeu o significado, no entanto, deixe-me dizer que usamos muito essa expressão
    aqui em Portugal sempre que queremos adjectivar uma mulher "forte", sem papas na língua, que não pede a ninguém para falar por ela, que não se envergonha em dizer aquilo que sente, que arregaça as mangas para discutir e dizer o que lhe vai na alma, independentemente da ou das pessoas que tem pela frente.
    Parece que não restam dúvidas quanto ao significado da expressão.

    Aqui a ideia é uma comparação a um homem de barba, que teoricamente transmite uma imagem de pessoa mais forte, mais rude.
    Tal como a expressão "homem de barba rija" Homem forte, homem de verdade.

    Saludos
    Obrigado pela explicação, normalmente não tenho muita dificuldade em entender o significado das expressões em português, nomeadamente as de Portugal, lembre que a maioria delas são iguais ou muito parecidas em galego, portanto também são minhas. Onde ás vezes aparecem os problemas é na hora de buscar uma alternativa em castelhano. Saiba que tenho um blogue onde vou arrumando aos poucos todas as expressões em português que vou aprendendo com as correspondências em castelhano. Deixo aqui o link. Eu português. Abraço
     

    Carfer

    Senior Member
    Portuguese - Portugal
    Se interessar, acho que há uma diferença entre a 'mulher de armas', a mulher corajosa, lutadora, destemida, no entendimento que damos à expressão em Portugal e a que 'tem pelo na venta', que é a mulher de mau feitio, de mau génio, insensível.
     

    Orxeira

    Senior Member
    galego
    Talvez seja assim Carfer, sempre há nuances... como já coloquei ao iniciar o tópico "de pelo na venta" tem duas aceções (1) ter mau génio, (2) ser ousado, arrojado, corajoso. No primeiro caso acho que a melhor opção em castelhano é "tener malas pulgas" e no segundo "ser de armas tomar". Apercebi-me que tanto em português como em espanhol as frases são aplicadas às mulheres...
     
    Talvez seja assim Carfer, sempre há nuances... como já coloquei ao iniciar o tópico "de pelo na venta" tem duas aceções (1) ter mau génio, (2) ser ousado, arrojado, corajoso. No primeiro caso acho que a melhor opção em castelhano é "tener malas pulgas" e no segundo "ser de armas tomar". Apercebi-me que tanto em português como em espanhol as frases são aplicadas às mulheres...
    Não só. Eu posso dizer que tenho visto ao menos uma ocasião na que um escritor usa a expressão para aludir a um homem: E. S. Tagino, no seu romance "O Amor nos Anos de Chumbo" (Edições Saída de Emergência. Parede, 2009), na página 244 diz a respeito de um dos últimos comandantes da guerilha miguelista: "[...] esse tal Damião parece ser um jovem com demasiado pêlo na venta."
     

    Carfer

    Senior Member
    Portuguese - Portugal
    Não só. Eu posso dizer que tenho visto ao menos uma ocasião na que um escritor usa a expressão para aludir a um homem:

    Indiscutivelmente. Penso que a referência feita a mulheres no post #3 enviezou a discussão, mas, de facto, qualquer dessas expressões pode ser usada em relação a ambos os géneros. No entanto, penso que há uma propensão para serem mais frequentemente aplicadas a mulheres do que a homens, talvez porque um preconceito sexista atribua às mulheres traços de menor valentia e génio mais doce, o que faz com que aquela que tem pelo na venta ou que é uma mulher de armas se destaque do comum das mulheres e explica a necessidade de mencionar essas características.
     
    Indiscutivelmente. Penso que a referência feita a mulheres no post #3 enviezou a discussão, mas, de facto, qualquer dessas expressões pode ser usada em relação a ambos os géneros. No entanto, penso que há uma propensão para serem mais frequentemente aplicadas a mulheres do que a homens, talvez porque um preconceito sexista atribua às mulheres traços de menor valentia e génio mais doce, o que faz com que aquela que tem pelo na venta ou que é uma mulher de armas se destaque do comum das mulheres e explica a necessidade de mencionar essas características.
    Concordo inteiramente
     
    Top