tomar o maior chapéu

faisca

Member
GALICISH-SPANISH/GALIZA
Olá!

Estou a traduzir um texto sobre economia que tem muitas metáforas do mundo do futebol.

Uma das frases diz: Esses banqueiros tomaram o maior chapéu financeiro da história.

Alguém me sabe dizer o que quer dizer tomar o chapéu?

Obrigada,
 
  • Cacorc

    Senior Member
    Spanish (Argentina)
    Olá!

    Estou tentando entender a frase com esse pouquinho contexto. Um "chapéu" no futebol é quando um futbolista chuta a bola por cima da cabeça do adversário para aproveitar uma ventagem. Acho que "tomar um chapéu financeiro" pode significar em espanhol "tomar un atajo financiero", mas não estou seguro.
     
    Last edited:

    pfaa09

    Senior Member
    Portugal - Portuguese
    A frase é brasileira e significa que os banqueiros foram enganados, ludibriados, burlados.
    Na gíria futebolística, um chapéu, é fazer passar a bola por cima do guarda-redes (goleiro) para marcar golo.
    Normalmente, o guarda-redes adianta-se para reduzir o ângulo a quem tem a bola, mas esse adiantamento proporciona o tal chapéu.
    No fundo, o jogador que faz passar a bola por cima, acaba por enganar o guarda-redes. Talvez seja essa a ligação.
     

    gato radioso

    Senior Member
    spanish-spain
    Então, a ideia poderia ser, mais ou menos:

    A esos banqueros las dieron con queso como nunca en la historia (dárselas a alguien con queso = enganar alguém usando a astúcia, sendo picaro…)

    Les metieron un gol como nunca en la historia (meterle a alguien un gol = derrotar ou confundir alguém em qualquer ámbito, de uma forma rápida e contundente, não é o mesmo do que a ideia original, mas se for preciso falar aqui usando linguagem "futbolera" ...)
     
    Last edited:

    Guigo

    Senior Member
    Português (Brasil)
    Pode-se usar em outros contextos:
    "A mulher deu o maior chapéu nele". (esta evoluiu para 'a mulher colocou um chapéu de touro nele').
    "Levei um chapéu do vendedor de carros".

    Há até variações:
    "Marquei um encontro com Fulano mas ele me deu maior chapéu e não apareceu".
     

    zema

    Senior Member
    Español Argentina
    A esos banqueros les hicieron el "sombrerito" financiero más grande de la historia.

    Algo por ese estilo creo que se entendería sin problemas, en Argentina al menos, en un texto en el que abunden metáforas del mundo del fútbol.
    Un ejemplo donde recurren a esa imagen para tratar de cuestiones políticas:
    En 2003, Alperovich “gambeteó” la carta orgánica del PJ para poder ser candidato por el peronismo. Metió un golazo que festejó durante 12 años. El congreso provincial de ese entonces, con la rara fórmula “por única vez” -la usó varias veces con el ex mandatario-, modificó el reglamento interno partidario y lo habilitó para ser postulado como extrapartidario en medio de un áspero plenario, donde hubo congresales que se opusieron tenazmente. Algunos de esos que levantaron la mano rechazando la alternativa y a los que les hicieron un “sombrerito”, hoy -a la distancia- celebran la posibilidad de tener una “revancha”.
    Gambetas de la política
     
    < Previous | Next >
    Top